Dandara Manoela é uma artista paulistana que encontrou em Santa Catarina o palco ideal para disseminar e evoluir sua arte. A cantora e compositora já foi eleita a melhor voz no Prêmio da Música Catarinense, e tem como principal característica trazer nas suas canções temas reivindicativos e de protesto. 

Continua depois da publicidade

Através da canção “Pretas Yabás, Dandara e um grupo muito especial de mulheres, buscam evidenciar a beleza e o posicionamento da mulher negra. A música traz, de forma poética, uma exaltação à resistência e ancestralidade. 

O videoclipe dirigido por Elisa Schimidt, aborda o deslocamento simbólico das mulheres negras da base da pirâmide social, do lugar mais silenciado e negligenciado, para o centro. Faz menção ao espaço que elas vêm ocupando, com muito esforço e luta diária, para serem ouvidas, terem mais acessos e direitos garantidos. Tudo isso, com um grupo forte. Cada uma das participantes do trabalho tem suas histórias de lutas, conquistas e todas, com um sentimento único em relação ao trabalho, orgulho. 

> Receba notícias pelo seu WhatsApp clicando aqui

O videoclipe é lindão e vale muito a pena dar uma conferida. Nele, Antonieta de Barros aparece como nome de rua. Uma bela homenagem que a artista faz a primeira deputada mulher, negra e professora do país. 

Continua depois da publicidade

Pretas Yabás tem um balé sensível e muito bonito, coreografado a distância pela bailarina e coreógrafa Gianne Abott, que mora na Austrália e co coreografado por uma artista manézinha, e também bailarina, Andrea Zaida. 

Deixo abaixo o vídeo para que vocês possam curtir e serem tomados pela emoção, como eu fui. Parabéns Dandara e todas as envolvidas neste lindo e representativo trabalho! Nós por nós

Destaques do NSC Total