nsc
nsc

Em alta

Exportações de carnes da Aurora crescem 23% no primeiro semestre

Compartilhe

Estela
Por Estela Benetti
28/07/2021 - 20h01 - Atualizada em: 28/07/2021 - 20h18
Neivor Canton
Neivor Canton, presidente da Aurora Alimentos (Foto: Divulgação)

Uma das companhias que aproveitam o boom das commodites é a Coopercentral Aurora Alimentos, de Chapecó. Ela encerrou o primeiro semestre com exportações de 291,5 mil toneladas de carnes e derivados, um acréscimo de 18% em volume frente ao mesmo período de 2020, quando registrou alta maior. Em receita, as vendas externas do período somaram US$ 667,8 milhões, 23% mais que nos mesmos meses do ano anterior.

Receba as principais informações de Santa Catarina pelo Whatsapp

O presidente da Aurora, Neivor Canton, afirmou que o mercado externo é uma prioridade da empresa e a estratégia é continuar crescendo. Em 2020, as vendas cresceram 61,8% em receita e 23% em volume.

No primeiro semestre deste ano, a proteína de suíno respondeu por 60% da receita cambial e a de frango, 40%. Considerando volume foi quase o contrário: o frango respondeu por 55% e o suíno por 45%. Os principais mercados de carne suína no semestre foram China, Hong Kong, Chile, Estados Unidos e Japão. Os mais importantes destinos da proteína de frango foram a China, Japão, Emirados Árabes, Filipinas, Rússia e Coreia do Sul.

Canton estima que a coopercentral vai encerrar 2021 com crescimento de 15% do faturamento no setor de aves, resultado do impacto de 24% de acréscimo do mercado externo e 3,3% no mercado interno. No segmento de suíno, vai faturar 20% mais, com alta de 40% nas exportações e de 6% no mercado nacional.

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Mais colunistas

    Mais colunistas