nsc
nsc

Tecnologia e inovação

Na posse, líderes da Acate mostram força da união do ecossistema de TI de SC

Compartilhe

Estela
Por Estela Benetti
19/07/2022 - 07h57
Estela Benetti
Presidente da Acate, Iomani Engelmann, fala sobre projetos durante a posse (Foto: Estela Benetti)

Em solenidade que reuniu empreendedores e atores do ecossistema de tecnologia e inovação do Estado, a Associação Catarinense de Tecnologia (Acate) empossou diretoria que foi reconduzida ao cargo, tendo à frente o empresário Iomani Engelmann. O evento aconteceu na noite desta segunda-feira, na sede da entidade, a Acate Primavera na SC-401, em Florianópolis. Tanto o presidente reeleito, quanto o presidente do conselho deliberativo da instituição, Daniel Leipnitz, falaram sobre a importância da união para o setor crescer mais rápido e ser cada vez mais competitivo.

Saiba como receber notícias do DC no Telegram

O presidente e os vice-presidentes falaram sobre as propostas principais de cada área para a próxima gestão. As prioridades incluem aproximação dos polos regionais, apoio a empresas de todos os portes, atenção a oferta de capital e formação de pessoas.

- Muito obrigada por confiar em mim, nessa missão de representar o ecossistema. Na minha opinião é um micromundo que a gente gostaria que fosse modelo para o mundo. A gente pensa em cooperação, doação, feedback, inclusão e oportunidade para todos, que de alguma forma a gente está construindo um país e uma sociedade mais justa num momento de tanta divisão no Brasil. É importante esse espírito de união para superar uma crise global que parece que vai acontecer – disse Engelmann.

Lideranças do ecossistema de TI de SC participaram da posse em Florianópolis
Lideranças do ecossistema de TI de SC participaram da posse em Florianópolis
(Foto: )

Nos últimos anos, o setor de tecnologia catarinense tem se unido cada vez mais, sob a liderança da Acate. Isso tem ajudado a acelerar o empreendedorismo e a geração de negócios, com polos cada vez mais fortes em diversas regiões do Estado.

O setor de tecnologia da informação e comunicação de Santa Cataria começou por volta de 1980 do zero e chegou em 2016 com 5,6 mil empresas. Mas no final de 2020 alcançou quase 19 mil empresas, destacou o presidente do conselho Daniel Leipnitz.

“Falta de mão de obra continua o principal gargalo do setor de tecnologia”, diz presidente da Acate

Segundo ele, essa expansão acelerada coincide com aprendizado que ele e o diretor executivo da entidade, Gabriel Sant’Anna tiveram em visita à Coreia do Sul no final de 2014. Ao visitar cerca de 20 entidades empresariais daquele país, perceberam que todos estavam unidos, voltados à mesma direção.

- No meio de toda aquela tecnologia, aquele design, o que mais nos marcou foi que o ecossistema lá estava unido e eles tinham um mantra único, que era a economia criativa. Se você for ver agora, oito anos depois, todas as novelas não são brasileiras, são da Coreia do Sul, Toda Ásia, os grupinhos, os menudos, são da Coreia do Sul, os games, os negócios são todos deles. Então, a gente aprendeu uma lição muito forte lá. Essa lição, quando a gente voltou, no final de 2014, a gente pensou: pessoal, nós precisamos nos unir, estar junto, trabalhar todos juntos como a diversidade que está aqui – disse Leipnitz, ao observar que a união iniciada em SC tem dado resultados.

Atualmente, a associação tem nove polos regionais situados no Oeste, Planalto Serrano, Norte, Vale do Itajaí, Grande Florianópolis e Sul do Estado. Uma das novidades da entidade é mais um passo para apoiar a internacionalização do setor. Está abrindo uma representação no Canadá, que terá à frente o VP de Internacionalização, Henrique Bilbao. A entidade já tem um hub de representação em Boston, nos Estados Unidos.

Entre as autoridades presentes no evento estavam o presidente da Associação Empresarial de Florianópolis (Acif), Rodrigo Rossoni; diretor de Inovação da Federação das Indústrias do Estado (Fiesc), José Eduardo Fiates; diretor técnico do Sebrae/SC Luc Pinheiro; presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Santa Catarina (Fapesc), Fábio Zabot Holthausen; diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação do Governo de SC, Moris Kohl; secretário de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico de Florianópolis, Juliano Richter Pires; e o presidente do Lide Santa Catarina, Delton Batista.

Diretoria da Acate gestão 2022-2024

Presidente: Iomani Engelmann Gomes

Vice-presidente Financeiro: Annalisa Blando Dal Zotto

Vice-presidente de Marketing: Walmoli Gerber Jr.

Vice-presidente de Integração: Felipe Mandawalli

Vice-presidente de Relacionamento: Diego Brites Ramos

Vice-presidente de Ecossistema: Paula Espindola Lunardelli

Vice-presidente de Talentos: Moacir Antonio Marafon

Vice-presidente de Internacionalização: Henrique Marcos Fava Bilbao

Conselho fiscal

Efetivos:Sergio de Lima Viola, Marcos Luiz Marchezan, Guilherme Domingos Ferla Junior

Suplentes:David Mauricio Escobar Gomez, Maristela Franco Paes Leme Pinheiro

Conselho deliberativo

Daniel dos Santos Leipnitz Alexandre d‘Avila da Cunha Rui Luiz Gonçalves

Darlan Segalin Nelissa Gevaerd Colossi Branco

Thiago Alexandre Vailati Fábio Beal

Marcio Jacson dos Santos André Krummenauer

Edenir Silva

Claudio Roberto Grando Guilherme Figueiredo Lopes

Fernanda Maria Barreto Bornhausen

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Estela Benetti

Colunista

Estela Benetti

Especialista na economia de Santa Catarina, traduz as decisões mais relevantes do mercado, faz análises e antecipa tendências que afetam a vida de empresários, governos e consumidores.

siga Estela Benetti

Mais colunistas

    Mais colunistas