O Brasil vai fechar 2023 em nono lugar na lista das maiores economias do mundo, mas é o terceiro mercado global de música, setor que está cada vez mais integrado com tecnologia. Por isso, um ponto alto do Tum Festival, evento de música e inovação que abre neste sábado e vai até o dia 12, em Florianópolis, será o Cocreation Lab Tum, que vai incentivar 20 startups voltadas ao mundo da música.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

De acordo com a produtora Ivanna Tolotti, diretora geral e idealizadora do Tum Festival, esse evento com startups é uma parceria com a empresa TXM, de Salomão Ribas, e com o Sebrae SC, visando fortalecer a indústria criativa de Florianópolis, que é uma das mais avançadas do Brasil.

Ela destaca que nesse grupo estão startups que propõe soluções diferenciadas que podem impactar no setor musical não só no Brasil, mas também no exterior. Um dos projetos consiste em aplicativo para conectar pessoas do mundo todo que gostam de dançar, tipo um Tinder da dança.

Outro projeto de startup é de um deficiente auditivo. Ele está criando uma forma de interação para que pessoas sem audição sintam de uma outra forma a música por meio de uma plataforma que vibra. E uma terceira startup desenvolve plataforma de músicos que criam músicas exclusivas para presentear alguém.

Continua depois da publicidade

O Tum Festival, que contará com a participação de produtores musicais, empresários e músicos do Brasil e exterior, abre neste sábado. Domingo (05), às 19h30min, no Boulevard do Floripa Airport terá show gratuito de Ana Cañas, que interpretará músicas de Belchior. A expectativa é que esta sexta edição do Tum Festival vai atrair cerca de 20 mil pessoas.

O festival terá intensa programação até o dia 12, incluindo shows de João Bosco e Lenine – os únicos pagos, no Centro Integrado de Cultura (CIC). Uma das programações será a conferência de música e inovação, nos dias 9, 10 e 11, também no CIC.

Será nessa conferência o evento de incentivo às startups. Para a conferência, são esperados artistas, produtores, músicos e alguns dos principais nomes do mercado musical brasileiro. Interessados podem se inscrever no site tumfestival.com.br/conferencia/inscricao.

Ivanna Tolotti destaca que virão para o festival profissionais do setor de música de todo o Brasil e de mais 10 países: Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Colômbia, México, Portugal, França, Noruega e Guiné.

Continua depois da publicidade

– Com esse evento a gente mostra para o mercado que a música não é o produto final quando tem um artista cantando ou tocando, mas que existe todo uma cadeia especializada e que precisa gerar negócio. É muito importante conectar as pessoas – destaca Ivanna Tolotti.

Segundo ela, esse evento também pode promover talentos musicais do Estado. Santa Catarina tem muitos talentos na música, tanto de pessoas que cantam, quanto instrumentistas. “É tempo de reconectar” é o slogan desta edição do Tum Festival, que tem muita programação gratuita.

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC

Leia também

Presidente do Angeloni revela planos de expansão para 2024

Seguradoras propõem seguro catástrofe nacional para eventos climáticos

Celos faz convênio com a Celesc e lança planos de saúde mais econômicos

Nova norma federal traz segurança jurídica à transferência de crédito de ICMS

Promoções atraem centenas de clientes para nova loja atacadista do Angeloni em Florianópolis

Irani mantém média de lucro e reduz custo da dívida

Empresário Elson Otto é eleito presidente da Facisc

Destaques do NSC Total