nsc
nsc

PESQUISA EM BLUMENAU

Ascensão de Odair Tramontin é o fato novo das Eleições 2020 em Blumenau

Compartilhe

Evandro
Por Evandro de Assis
11/11/2020 - 23h57 - Atualizada em: 12/11/2020 - 08h53
Em ordem alfabética, João Paulo Kleinübing, Mário Hildebrandt, Odair Tramontin e Ricardo Alba.
Em ordem alfabética, João Paulo Kleinübing (DEM), Mário Hildebrandt (Podemos), Odair Tramontin (Novo) e Ricardo Alba (PSL). (Foto: Reprodução)

Odair Tramontin (Novo) é o fato novo da segunda rodada da Paraná Pesquisas sobre as Eleições 2020 em Blumenau. Os números mostram, a três dias da eleição, o promotor de Justiça licenciado em ascensão e com chances reais de ir ao segundo turno. Ele rivaliza com João Paulo Kleinübing (DEM) pela segunda posição, dentro da margem de erro.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Santa

Tramontin escalou 6,8 pontos em relação à pesquisa de outubro, o único a variar para fora da margem de erro entre todos os 12 candidatos. Aliás, os demais oponentes com mais de 1% das intenções de voto permaneceram nas mesmas posições da primeira sondagem, à exceção dele.

> Pesquisa em Blumenau: Hildebrandt mantém vantagem com cenário de 2º turno indefinido

Um mês atrás, escrevi que os 2,6% na pesquisa espontânea (quando não são apresentados ao entrevista os nomes dos concorrentes) indicavam potencial de crescimento da candidatura do Novo. O atual cenário consolida essa tendência, mas não permite afirmar que há uma onda laranja em formação. Como os mais citados pelos eleitores não perderam intenções de voto, Tramontin atraiu principalmente indecisos ou que votariam em branco.

Segundo turno

No pelotão de frente, Mário Hildebrandt (Podemos) conservou a liderança, mas não cresceu o suficiente para aproximar-se de uma vitória no primeiro turno. A hipótese de um desfecho antecipado, porém, não pode ser descartada, especialmente devido à expectativa de alta abstenção no domingo.

Caso uma segunda etapa se confirme, Hildebrandt aparece como  favorito no único cenário testado pela Paraná Pesquisas, contra Kleinübing. Não houve outras simulações de segundo turno porque nenhum outro candidato havia atingido 10% das intenções de voto na primeira pesquisa.

Ainda tem campanha até domingo. E, a depender do histórico local, movimentos de última hora não seriam surpresa.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Mais colunistas

    Mais colunistas