nsc
nsc

Decoração

Investigação sobre o Natal em Blumenau é concluída sem encontrar fraude

Compartilhe

Evandro
Por Evandro de Assis
11/05/2022 - 06h00 - Atualizada em: 11/05/2022 - 10h07
MP concluiu que não houve má-fé no processo de licitação do Natal de 2021
MP concluiu que não houve má-fé no processo de licitação do Natal de 2021 (Foto: Clio Luconi, Divulgação)

Blumenau contratou itens e serviços para a decoração de Natal de 2021 em um processo licitatório confuso, mas sem fraude ou má-fé, concluiu o Ministério Público. A investigação havia sido aberta para esclarecer a quem pertenciam objetos decorativos listados no edital para serem reformados. Parte havia sido vendida a credores. Como não foi constatada irregularidade, o procedimento vai para o arquivo.

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

A coluna noticiou o caso à época. O Natal em Blumenau contava com itens do acervo da Associação Blumenauense de Turismo, Eventos e Cultura (Ablutec), mesmo que não tivesse formalizado acordo com a entidade. Esse material acabou vendido para pagar dívidas da associação relativas ao Natal de 2019 — uma novela mais longa e complexa, também sob suspeita.

> Perda da decoração de Natal em Blumenau prova que burocracia nem sempre é ruim.

Ao fim da investigação, o MP classificou como "imprudência" lançar uma licitação contando com objetos de terceiros, mas concluiu que o desfecho não produziu prejuízo aos cofres públicos.

Natal de 2019

Sobre o Natal de 2019, cheio de reviravoltas contábeis e que deixou um passivo superior a R$ 1 milhão no colo da Ablutec, o Ministério Público segue colhendo informações. O inquérito civil aberto para investigar o caso foi prorrogado até outubro.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

Leia também

Fotos da Prainha após enchente em Blumenau revelam tamanho do estrago

Parquímetros de Blumenau não aceitarão dinheiro vivo

Os motivos da queda de Ronaldo Carioni no DNIT de SC

Venda de hospital em Blumenau completa um ano ainda cercada por sigilo

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Mais colunistas

    Mais colunistas