O projeto de um parque linear na margem esquerda do Rio Itajaí-Açu, no Centro de Blumenau, terá R$ 25 milhões do Estado para sair do papel. O governador Carlos Moisés (Republicanos) confirmou a disposição de investir o dinheiro em audiência com o prefeito Mário Hildebrandt (Podemos) nesta quarta-feira (30), em Florianópolis. Ele deu aval para que Casa Civil e Secretaria da Fazenda providenciem o convênio com o município.

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp

A promessa facilita a intenção da prefeitura de começar a obra no ano que vem, como noticiou o colega Pedro Machado. Segundo Hildebrandt, ficou acertado que o investimento será à parte do Plano 1.000, aquele em que o governo estadual promete aportar R$ 1 mil por habitante em cinco anos. Com o acordo, Blumenau trocará a perspectiva de um financiamento com o Banco do Brasil por dinheiro do caixa estadual a fundo perdido.

É antigo o projeto do parque, que vai conectar a Prainha à Ponte de Ferro. Ele começou a ser concebido depois que o barranco da margem esquerda desabou, em novembro de 2008. A primeira parte do projeto, de contenção da margem, foi executada. Mas a urbanização, com passeio para pedestres, ciclovia e mirantes, aguarda recursos desde então.

Não é a primeira vez que um governador promete dinheiro para a obra. Em 2017, Eduardo Pinho Moreira (MDB) anunciou R$ 15 milhões que jamais vieram. A diferença é que agora Santa Catarina está de cofres cheios.

Continua depois da publicidade

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

Leia também

Aeroporto de Blumenau está mais perto de receber voos noturnos

Vereador petista de Blumenau assumirá cadeira na Assembleia Legislativa

Vereador de Blumenau contrata ex-juiz do TRE para tentar salvar mandato

Documentos explicam operação na prefeitura de Blumenau

Destaques do NSC Total