nsc
    nsc

    Imunização

    Quantas vacinas contra Covid-19 cada região de Santa Catarina receberá nesta terça

    Compartilhe

    Evandro
    Por Evandro de Assis
    18/01/2021 - 18h15 - Atualizada em: 19/01/2021 - 06h45
    Após aplicação das primeiras vacinas, nesta segunda, doses começam a ser distribuídas nesta terça
    Após aplicação das primeiras vacinas, nesta segunda, doses começam a ser distribuídas nesta terça (Foto: Diorgenes Pandini, Divulgação)

    As 17 regionais de saúde de Santa Catarina receberão nesta terça-feira (19) 71 mil doses da vacina contra a Covid-19. O volume é suficiente para a primeira aplicação em pessoas integrantes dos públicos prioritários da campanha de imunização. Outras 71 mil vacinas serão encaminhadas somente daqui duas semanas, para aplicar a segunda dose nas pessoas atendidas. As regiões de Florianópolis, Joinville e Blumenau são as que receberão as maiores quantidades (veja quadro abaixo).

    > Veja o número de vacinas a serem aplicadas em cada um dos 295 municípios de Santa Catarina.

    > Receba notícias de Blumenau direto no Whatsapp. Clique e entre no grupo do Santa.

    Os números foram apresentados nesta segunda-feira (18) aos municípios em reunião online da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), composta por representantes da Saúde estadual e das secretarias municipais. A quantidade de vacinas disponível atenderá às populações indígenas (7,8 mil), aos idosos em instituições de longa permanência e a cerca de um terço dos profissionais de saúde.

    > Astrazeneca e Coronavac: as diferenças entre as vacinas da Covid-19.

    Idosos acima de 75 anos que não residem em instituições de longa permanência ficaram de fora desta primeira fase da vacinação em Santa Catarina. Isso porque é uma população muito numerosa. Segundo o Estado, foram combinados os seguintes critérios: risco e exposição ao vírus. Os números da distribuição foram calculados nesta segunda-feira (18), depois que o Ministério da Saúde confirmou o número de doses para os catarinenses.

    Quadro apresentado pelo Estado aos municípios
    Quadro apresentado pelo Estado aos municípios
    (Foto: )

    Como não há doses em número suficiente para todos os trabalhadores da saúde, foram definidas prioridades. Os primeiros a serem vacinados serão os que atuam em UTIs e emergências especializadas em Covid-19, profissionais que atuam em instituições de longa permanência, profissionais do Samu e equipes envolvidas na vacinação.

    Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas