nsc
    nsc

    Auxílio financeiro

    Caixa analisa mais de 350 pedidos de saque do FGTS devido ao ciclone em Blumenau

    Compartilhe

    Evandro
    Por Evandro de Assis
    12/08/2020 - 18h00
    Vendaval de 30 de junho derrubou árvores, como na Rua Curt Hering, e destelhou casas
    Vendaval de 30 de junho derrubou árvores, como na Rua Curt Hering, e destelhou casas (Foto: Arquivo Pessoal)

    Blumenau enviou à Caixa 352 pedidos de saque do FGTS apresentados por atingidos pelo ciclone-bomba do dia 30 de junho. Os processos foram organizados e remetidos pela Defesa Civil municipal depois que o banco federal confirmou o direito ao resgate.

    > Clique aqui para ler as últimas notícias de Blumenau e região pelo Whatsapp.

    As famílias atingidas tiveram prejuízos com destelhamentos e quedas de árvores, entre outros danos a residências. Elas acionaram a Defesa Civil no dia do fenômeno ou atenderam ao chamado para cadastro até 5 de agosto, prazo estipulado pela prefeitura.

    Cada processo inclui fotografias, orçamentos de consertos e documentos dos interessados no saque. A Caixa tem até o fim de setembro para analisar tudo e decidir quem terá direito a retirar o dinheiro. Regras e prazos só devem ser divulgados quando tudo estiver definido.

    O ciclone-bomba obrigou o prefeito Mário Hildebrandt a decretar situação de emergência em Blumenau. As perdas ao patrimônio público da cidade foram avaliadas em R$ 6 milhões, principalmente em unidades educacionais.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas