Prestes a completar um turno inteiro (19 jogos) no comando do Avaí, o técnico Eduardo Barroca tem 50% de aproveitamento. Foram 18 partidas, com sete vitórias, seis empates e cinco derrotas. Se vencer o ABC, o “turno Barroca” do Avaí fecha com 52,6 %. Se perder, fecha com 47,3%. Se empatar, 49%.

Continua depois da publicidade

Avaí quer áudios do VAR da partida contra o Ceará

Leia mais notícias do Esporte no NSC Total

Mas o que há de fato é o que foi feito até agora. E com 50% de aproveitamento, o trabalho de Barroca colocaria o Avaí na primeira página da classificação, entre o 9° e o 10° lugar. Hoje o Vila Nova é o 9° com 51% e o CRB é o 10° com 49% de aproveitamento. 

Barroca assumiu o Avaí na 16° rodada e em 19° lugar na tabela e perdeu para a Ponte Preta. O time vinha de um péssimo trabalho com Gustavo Morínigo, que em nove jogos não conseguiu vencer nenhuma partida e afundou o Leão nas últimas colocações – o cenário era o pior possível e a ameaça de rebaixamento era muito real.

Continua depois da publicidade

Vitória do Avaí sobre o Ceará abre o caminho para a permanência na Série B

Chapecoense x Avaí pela Copa SC: onde assistir e horário

Vale ressaltar ainda que das cinco derrotas do time com Barroca, quatro foram para times que disputam as primeiras colocações. Juventude, Atlético-GO e Vitória estão no G4 atual, e o Guarani é o 5° colocado. A única derrota “fora da curva” foi justamente na estreia do treinador, para a Ponte Preta, em jogo que o Avaí teve o goleiro Alex expulso nos minutos iniciais.  

Avaí tem apenas uma derrota como visitante sob o comando de Eduardo Barroca

Outro dado a favor de Barroca e do trabalho desenvolvido por ele são os números do returno. Na segunda metade do campeonato, até aqui, o Avaí é o 9° colocado, com 20 pontos, que são, por exemplo, os mesmos 20 pontos do Criciúma de Cláudio Tencati, que tem a oitava melhor campanha do returno e está na briga por acesso. 

Você pode discordar de escalações, de escolhas, da linha de cinco para defender resultado, de atuações ruins como contra o Londrina na rodada retrasada, mas é preciso reconhecer que o duro trabalho de resgate do Avaí das profundezas da tabela está sendo feito de forma consistente desde a chegada de Eduardo Barroca.  

Destaques do NSC Total