nsc
    nsc

    pressão total

    Derrota do Figueirense na estreia da Série B assusta o torcedor alvinegro

    Compartilhe

    Faraco
    Por Faraco
    08/08/2020 - 18h37
    Muitos erros e derrota do Figueirense na abertura da B
    Muitos erros e derrota do Figueirense na abertura da B (Foto: José Tramontin/ OFEC)

    A derrota para o Operário-PR na bertura da Série B foi um retrado do Figueirense atual, muito pressionado. 

    O jogo teve duas histórias completamente diferentes. Uma foi a do primeiro tempo, com um Figueirense equilibrado em campo, tendo poucas chances, mas também sem dar muitos espaços ao Operário-PR.

    A segunda história foi a do segundo tempo. Um desastre a partir do segundo gol do Operário-PR. O time desmoronou em campo, se desorganizando completamente. Tomou o segundo, logo após veio o terceiro, e Sidão passou a salvar milagrosamente outros lances evitando uma goleada.

    Aquele time organizado do primeiro tempo foi para o espaço, uma mostra que as pressões e as instabilidades estão fazendo diferença.

    O técnico Márcio Coelho admitiu após a partida que o time está sem confiança em campo. O que reforça a necessidade de uma intervenção mais forte dele. Confiança não se ganha somente com conversa. É preciso dar uma consistência maior ao sistema defensivo a partir de agora. As derrotas já pesam muito.

    Outra questão fundamental e que ficou muito clara é necessidade de contratações para reforçar o time e o grupo de jogadores. Com o grupo atual em termos de qualidade e quantidade, o Figueirense vai ter problemas na competição.

    O jogo de estreia assustou demais o torcedor alvinegro, que já não aguenta mais as frustrações deixadas pelos últimos dois anos.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas