nsc
nsc

Pandemia

Tecnologia de empresa de Joinville é responsável por conservar primeiras doses da Coronavac no Brasil

Compartilhe

Loetz
Por Loetz
18/01/2021 - 19h04
foto mostra os conservadores usados para as doses da vacina
Embalagens conservadoras da vacina contra o coronavírus são produzidas em Joinville (Foto: Termotécnica/ Divulgação)

É de Joinville a tecnologia utilizada para o transporte de boa parte das vacinas contra a Covid-19 que estão sendo distribuídas por todo o país. A Temotécnica, por meio de suas embalagens conservadoras, é responsável pelo transporte do primeiro lote de vacina Coronavac, com aproximadamente 3 mil unidades enviadas. 

"Vamos priorizar os profissionais da linha de frente no combate ao coronavírus", diz secretário

Há muitos anos, a empresa joinvilense já é a principal fornecedora para as campanhas de vacinação do governo no Brasil. Ela atende este mercado com conservadoras em EPS para a distribuição de vacinas. Em Santa Catarina chegaram 60 conservadoras, contendo, cada uma, 2.100 doses, o que totaliza 126 mil doses, até a tarde desta segunda-feira, 18 de janeiro.

> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

Cláudio Loetz

Colunista

Loetz

Claudio Loetz é um dos mais renomados colunistas de economia do Sul do Brasil. Com textos analíticos e informativos, é a principal fonte de informação para os interessados em negócios em Joinville e região.

siga Loetz

Cláudio Loetz

Colunista

Loetz

Claudio Loetz é um dos mais renomados colunistas de economia do Sul do Brasil. Com textos analíticos e informativos, é a principal fonte de informação para os interessados em negócios em Joinville e região.

siga Loetz

Mais colunistas

    Mais colunistas