nsc
nsc

Mobilidade urbana

Empresa de Gaspar vence licitação para construir ponte no Centro Histórico de Blumenau

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
28/05/2020 - 17h51 - Atualizada em: 28/05/2020 - 17h54
Nova ponte no Centro Histórico de Blumenau
Ponte vai ligar início da Rua XV de Novembro à primeira curva da Avenida Beira Rio (Foto: Divulgação)

A empresa Pacopedra, de Gaspar, venceu a licitação para construir a ponte sobre o Ribeirão Garcia, no Centro Histórico de Blumenau. A estrutura terá 48 metros de extensão e vai ligar a Rua XV de Novembro, na altura do restaurante Thapyoka, à primeira curva da Avenida Beira-Rio. Ela será erguida ao lado da ponte Desembargador Pedro Silva. 

A obra faz parte do Corredor Estrutural Sul e será financiada com recursos do Ministério das Cidades. A nova ponte será usada por carros que, ao entrarem na Rua XV de Novembro, queiram seguir para a Beira-Rio. A ponte Desembargador Pedro Silva ficará exclusiva para quem continuar no sentido Rua XV. A ideia é melhorar o fluxo de veículos da região.

A Pacopedra apresentou uma proposta de R$ 3,37 milhões para executar o serviço - o teto era de R$ 3,8 milhões. Não era a melhor oferta, mas a concorrente com o valor mais baixo acabou desistindo. O resultado já foi homologado, e agora será encaminhada a assinatura da ordem de serviço para o início das obras - o que ainda não tem data definida para acontecer.

A Pacopedra é a mesma empresa que já havia vencido a licitação para duplicar a Ponte Adolfo Konder, a poucos metros de onde será contruída a nova estrutura.

Quer receber notícias e análises de economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região no seu celular? Acesse o canal do blog no Telegram pelo link https://t.me/BlogPedroMachado ou procure por "Pedro Machado | NSC" dentro do aplicativo.

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas