Começa a ganhar corpo uma mobilização que, se tiver sucesso, pode afetar a rotina do Parque das Itoupavas, em Blumenau. Um abaixo-assinado está coletando apoio junto a frequentadores para reivindicar à prefeitura que a área de lazer permaneça aberta por mais tempo.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região por WhatsApp

Hoje o espaço fecha às 22h. Mas o movimento quer que o parque fique com as portas abertas até a meia-noite, como já acontece com o Ramiro Ruediger. A ideia é que o funcionamento “esticado” ocorre pelo menos durante o período de verão.

O propósito por trás da arquitetura do Parque das Itoupavas, em Blumenau

Proprietário de um dos food trucks que opera no local, Rogério Ramos lidera a coleta de assinaturas. Ele defende a ampliação do horário do Parque das Itoupavas em função das altas temperaturas.

Continua depois da publicidade

— Como está muito quente, o pessoal está vindo mais tarde para o parque — defende.

Em um primeiro documento, Ramos diz ter conseguido a adesão de mais de 300 pessoas. Além de mais tempo, o abaixo-assinado também deve pedir reforço na segurança do espaço durante o horário estendido.

Oficialmente, o secretário de Turismo e Lazer, Marcelo Greuel, diz não ter recebido nenhuma demanda sobre o assunto. Mas à coluna, admitiu que a pauta é pertinente e que, se ela se consolidar, pretende avaliá-la “com muito carinho”.

Leia também

Desafio de Blumenau é comprar e reformar o Sesi: “Não temos dinheiro para os dois”

Novo presidente assume a gestão da centenária indústria têxtil Karsten

Blumenau faz uma aposta de risco no transporte coletivo

Fachada gigante na Rua XV em Blumenau rende notificação a loja de cosméticos

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado pelo WhatsApp

Destaques do NSC Total