nsc
nsc

Negócios

Pamplona prepara investimento milionário para ampliar frigorífico no Alto Vale

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
16/03/2021 - 11h37
Pamplona
Unidade da empresa em Rio do Sul (Foto: Gilmar de Souza, BD)

A Pamplona Alimentos vai dobrar de tamanho o frigorífico da empresa mantido em Presidente Getúlio, no Alto Vale do Itajaí. A área industrial construída, hoje de 13,7 mil metros quadrados, vai ganhar mais 13,2 mil metros quadrados. A ampliação faz parte de um projeto para reforçar a capacidade produtiva na cidade, com investimento estimado em R$ 359 milhões e geração de 850 novos empregos.

​> Receba notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Santa

Em Presidente Getúlio, a Pamplona produz presuntos, mortadelas, bacon e peças temperadas embaladas à vácuo, entre outros produtos que abastecem os mercados nacional e internacional. Com a ampliação, a unidade passará a ter uma capacidade diária de abate de 6 mil suínos.

O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) emitiu no dia 5 de março a licença ambiental prévia (LAP), primeiro documento necessário para ampliações industriais dessa natureza. A licença atesta a viabilidade ambiental do empreendimento. 

Está pautada para ser votada nesta terça-feira (16), na Comissão Central de Licenciamento Ambiental, a análise da licença ambiental de instalação (LAI), que abre caminho para o início das obras. Depois ainda é necessária a licença ambiental de operação (LAO), para o começo das atividades.

Quer receber notícias e análises de economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região no seu celular? Acesse o canal do blog no Telegram pelo link https://t.me/BlogPedroMachado ou procure por "Pedro Machado | NSC" dentro do aplicativo.

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas