nsc
nsc

Turismo regional

Vale Europeu ganha marca e nova estratégia para fomentar o turismo na região

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
22/06/2021 - 08h19 - Atualizada em: 22/06/2021 - 09h27
Nova marca vai passar a estampar produtos locais e ações de promoção
Nova marca vai passar a estampar produtos locais e ações de promoção (Foto: Divulgação)

O Vale Europeu, que engloba 19 cidades do Vale do Itajaí, ganhou uma marca própria. A criação de uma identidade visual que a partir de agora será explorada em eventos, ações de comunicação e produtos feitos por empresas locais faz parte de uma nova campanha institucional para fomentar o turismo da região.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Detalhes dessa estratégia de posicionamento foram divulgados na manhã desta terça-feira (22) em uma apresentação online. O trabalho envolveu entidades ligadas ao setor, como a Instância de Governança Regional do Turismo do Vale Europeu e o Blumenau e Vale Europeu Convention Bureau, agentes públicos e empresários, com consultoria do Sebrae. A criação da identidade ficou a cargo do Instituto de Design, Inovação e Tecnologia.

O mote da ação é “Sempre Vale Europeu”. Ela está sustentada em quatro eixos, que valorizam a qualidade de vida (Bem viver), a vocação turística (Hospitaleiro), o patrimônio material e imaterial (Cultural) e o empreendedorismo (Inovador). A partir deles, o objetivo é consolidar a imagem de uma região que se orgulha das suas origens, mas que também é contemporânea, harmonizando tradição e inovação.

O grande desafio para fazer vingar a proposta é colocar todos na mesma página. Entidades de classe, poder público e empresas já têm essa visão de Vale Europeu mais solidificada. Falta fazer com que a população local compre ainda mais essa ideia – o morador também precisa vender essas impressões e a região como um destino turístico.

“Não existe forma de alavancar o posicionamento do território sem que todos estejam alinhados na construção da imagem que compreende o Vale Europeu”, diz um trecho do estudo que embasa a estratégia.

Não é tarefa das mais simples, mas algumas medidas já foram sugeridas. Além da exploração da nova identidade visual em produtos típicos da região, no comércio e em hotéis e restaurantes, o grupo de trabalho propôs, entre outros pontos, o desenvolvimento de uma linha de souvenires com a marca, campanhas de valorização da arquitetura enxaimel e a criação de um passaporte único válido para atrações da região, com um programa de recompensas, além da elaboração de um aplicativo com informações sobre os destinos da região.

Outras ações ligadas à infraestrutura das cidades, com melhoria de mobiliário urbano e de sinal de internet, também estão na lista. Além disso, uma das propostas também é qualificar o turismo rural, religioso, de aventura, de compra e de eventos, já presentes na região.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas