São José apresenta nesta quarta-feira (6) aos empresários da  Aemflo (Associação Empresarial da Região Metropolitana de Florianópolis) e CDL-SJ (Câmara de Dirigentes Lojistas de São José), o projeto de construção da futura Avenida Beira-Mar de Barreiros. 

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

Toda a obra está orçada em R$ 509 milhões: R$ 244 milhões de São José e R$ 265 milhões de Florianópolis. A avenida terá 8,250 km. A parte da capital tem 4,5 km e a de São José 3,750 km. São estimados dois anos de construção. 

Veja como será a Beira-Mar de Barreiros, em São José:

O projeto prevê pistas de rolamento, passeios, ciclovias, área de lazer e bolsões de estacionamentos. A obra é considerada prioritária, visando aprimorar a mobilidade urbana e oferecer espaços de convivência para a população de São José e o desenvolvimento econômico e social da região.

Continua depois da publicidade

 A Câmara de Vereadores do município aprovou, no mês passado, e o prefeito Orvino Coelho de Ávila sancionou, na semana passada, o projeto autorizativo para que o Executivo possa contratar a operação de crédito Internacional junto ao Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata), com a garantia da União, para construção da obra.

As duas prefeituras aguardam ainda a aprovação da Licença Ambiental Prévia (LAP) por parte do Instituto do Meio Ambiente (IMA). A expectativa é aprovar o projeto de financiamento internacional, no Senado, em janeiro, assinar o empréstimo em fevereiro e começar as obras em março de 2024.

Leia Mais:

SC terá escritório que facilitará a cidadania italiana

Destaques do NSC Total