nsc
    nsc

    Pandemia

    Joinville diminui testagem após redução do estoque de testes rápidos

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    24/07/2020 - 07h34 - Atualizada em: 24/07/2020 - 08h27
    Quase 34 mil testes foram realizados em Joinville desde o início da pandemia de coronavírus
    Quase 34 mil testes foram realizados em Joinville desde o início da pandemia de coronavírus (Foto: Divulgação)

    Os estoques de testes rápidos da rede pública de Joinville estão perto do fim, com necessidade de reposição imediata. Há expectativa de recebimento de novas unidades a partir da semana que vem, caso seja homologada licitação já realizada. Ja os exames PCR, utilizados para diagnóstico de coronavírus em pacientes com sintomas da doença, continuam disponíveis na rede municipal.

    > Joinville chega a 103 mortes por coronavírus e tem 100% de ocupação nos leitos públicos de UTI

    > Isolamento de idosos e limitação dos horários de bares e restaurantes serão mantidos em Joinville

    A realização de testes pela rede municipal caiu nos últimos dias por causa da redução dos estoques. As prioridades são para quem mora com paciente já com caso confirmado e residentes em instituições para idosos. As barreiras sanitárias, onde eram realizados testes, não estão ativas por causa da suspensão do transporte coletivo – eram instaladas junto aos terminais de ônibus. Também houve redução na testagem aleatória feita para a montagem do inquérito epidemiológico, ferramenta para avaliar a incidência da pandemia na cidade.

    A Secretaria de Saúde de Joinville alega ter expectativa de reposição dos testes rápidos a partir da semana que vem, caso seja homologada a compra de 60 mil unidades. A secretaria também lembra que 18 mil testes rápidos deixaram de ser adquiridos há dois meses porque não foi aceita a substituição do produto proposta pelo fornecedor – a questão inclusive está judicializada.

    Além dos testes rápidos comprados pela secretaria, a rede municipal também recebeu unidades de testagem enviadas pelos governos federal e estadual. Até quinta, Joinville realizou 33,8 mil testes, incluindo redes pública e privada e diferentes modalidades de diagnóstico.

    > Como funciona cada teste para detectar coronavírus

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas