nsc
nsc

DADOS DE 2020

Investimentos de Joinville ficam abaixo da média nacional das prefeituras

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
30/12/2021 - 07h56
Prefeitura de Joinville investiu R$ 152 milhões no ano passado
Prefeitura de Joinville investiu R$ 152 milhões no ano passado (Foto: Arquivo AN)

Apesar do avanço 2020, a prefeitura de Joinville continua com baixa capacidade de investimento. Divulgado recentemente, o Anuário Multicidades, levantamento da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), mostra a cidade com gasto per capita abaixo da média das prefeituras e apenas na 51ª posição no ranking nacional de montantes investidos pelos municípios (Joinville tem a 36ª maior população do País). O estudo é referente ao ano passado. Investimentos são as obras de infraestrutura, compra de equipamentos de uso permanente, entre outras despesas - pagamento de dívidas, custeio da máquina e gastos com pessoal, por exemplo, não entram nessa conta.

> Desconto no ônibus fora do horário de pico teve estudo em Joinville, mas não está nos planos

> ​Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

O estudo da FNP analisou as finanças dos municípios do País em 2020. Joinville teve avanço expressivo em relação ao ano anterior, passando de R$ 89 milhões para R$ 152 milhões. No ano passado, o município utilizou empréstimos junto ao Banco do Brasil para obras viárias – operações de crédito também impulsionaram as despesas de outros municípios. Somente Gravataí (RS) teve um avanço proporcional maior, entre as 17 maiores cidades da região Sul.

Com o avanço, Joinville chegou a R$ 254 de gasto por pessoa em investimentos, em média. Apenas Londrina (PR) e as cidades gaúchas de Porto Alegre, Pelotas, Santa Maria e Viamão no grupo de 17 maiores cidades do Sul tiveram despesa per capita menor do que Joinville no ano analisado. Em Florianópolis, o investimento por pessoa, foi de R$ 379 e em Blumenau chegou a R$ 393. Mesmo se a comparação for nacional, Joinville fica abaixo da média - no Pais, o gasto por pessoa pelas prefeituras em investimentos é de R$ 315, em média.

Planos

A prefeitura de Joinville vai tentar ampliar os investimentos por meio de operações de crédito. Há um pedido de empréstimo de R$ 200 milhões em tratativas com o Banco do Brasil para investimentos em mobilidade. Um pedido de financiamento de R$ 100 milhões foi protocolado na Caixa, para construção de unidades de saúde. Há US$ 70 milhões assinados com o BID para macrodrenagem e US$ 40 milhões com o Fonplata para a construção de ponte. Com exceção da demanda junto ao BB, nenhum desses financiamentos deve ser utilizado em 2022.

> Mais movimento: quantos veículos passam pela BR-101 Norte no final do ano

> Ainda distante, adoção de organização social em hospital de Joinville segue nos planos

> Joinville utiliza apenas parte de empréstimo de R$ 100 milhões assinado em 2014

> Nova lei em Joinville “facilita” mudança em nomes de ruas

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Mais colunistas

    Mais colunistas