nsc
    nsc

    Pandemia

    Testagem para coronavírus em Joinville: secretaria tem plano para ampliar acesso

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    25/08/2020 - 07h28
    Com a realização de mais diagnósticos, o Laboratório Municipal de Joinville faz parte da estratégia de ampliação da testagem
    Com a realização de mais diagnósticos, o Laboratório Municipal de Joinville faz parte da estratégia de ampliação da testagem (Foto: Divulgação)

    As estratégias de expansão da testagem para coronavírus terão mudanças a partir do início de setembro. A Secretaria de Saúde de Joinville está finalizando os novos protocolos, mas já está no planejamento oferecer testes rápidos para todos os interessados e os testes PCR para todo o contingente de pessoas com sintomas gripais. Hoje, existe a oferta dos dois tipos de exames, mas com limitações.

    No caso dos testes rápidos, o plano é abrir a agendamento pela internet a partir da semana que vem. Esse tipo de exame vem sendo realizado para grupos específicos e também de forma aleatória, por meio do inquérito epidemiológico. As barreiras sanitárias instaladas até o final de julho junto aos terminais de ônibus também realizaram esse tipo de testagem.

    > Joinville quer parceria com empresas e universidades para ampliar testagem para coronavírus

    > Prefeitura de Joinville tem provável data para a volta dos ônibus

    A meta é permitir acesso a um maior número de pessoas, desde que seja feito o agendamento prévio. Empresas e universidades serão convidadas para parceria com a secretaria, com oferta de locais para a testem. O centro de triagem do bairro Boa Vista também será usado na ampliação do testagem. A programação também prevê a realização do diagnóstico de toda a população com mais de 60 anos.

    Em relação aos exames PCR, para pessoas com sintomas de coronavírus, nem sempre era feita a testagem: dependia da gravidade dos sintomas, conforme a avaliação na unidade de saúde. Mas com a maior oferta dos exames, com o governo do Estado ampliando o repasse de testes e a previsão de compra de mais unidades, a testagem terá expansão. 

    Também está sendo aguardada a efetivação do credenciamento do Laboratório Municipal de Joinville pelo governo do Estado, uma forma descentralizar o processamento dos resultados dos exames. Desde o início da pandemia, foram testadas 58,8 mil pessoas em Joinville, incluindo os diagnósticos realizados na rede privada.

    > ​​Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do A Notícia

    Mais colunistas

      Mais colunistas