nsc
dc

Cinema

20 filmes que foram destaque em 2019

Entre recordistas de bilheteria e longas aclamados pela crítica, saiba quais produções marcaram o cinema no ano que passou

28/11/2019 - 14h25 - Atualizada em: 28/11/2019 - 14h30

Compartilhe

Marina
Por Marina Martini Lopes
Cena de "Vingadores: Ultimato"
Cena de "Vingadores: Ultimato"
(Foto: )

Com seu Vingadores: Ultimato, a Marvel dominou as bilheterias de cinema em 2019: o filme ultrapassou Avatar e se tornou o mais assistido da história. Outro destaque do ano veio de outra gigante dos quadrinhos, a rival DC: Coringa, protagonizado por Joaquin Phoenix, se tornou o primeiro filme com classificação para maiores de 18 anos a atingir a marca de US$ 1 bilhão em arrecadação.

A Disney também marcou presença, com as recriações de Aladdin e O Rei Leão e o lançamento de Toy Story 4. Nós foi o destaque para os fãs de suspense; e o diretor Quentin Tarantino retornou com Era Uma Vez em Hollywood - e até a Netflix entrou na briga pelos holofotes, com O Irlandês e El Camino: a Breaking Bad Movie. O sul-coreano Parasita foi a surpresa; e, no Brasil, os destaques foram Bacurau, A Vida Invisível e o fofo Turma da Mônica: Laços. E ainda vem mais por aí: Star Wars: a Ascensão Skywalker e o musical Cats chegam aos cinemas agora em dezembro.

Leia também: 20 filmes que chegam aos cinemas em 2020

Que tal relembrar as principais estreias de 2019 no cinema - e, se for o caso, se atualizar antes de as novidades de 2020 chegarem?

Green Book: O Guia

O vencedor do Oscar de Melhor Filme em 2019 (e também de Melhor Roteiro e de Melhor Ator Coadjuvante, para Mahershala Ali) chegou aos cinemas brasileiros no começo deste ano. Na história, Dr. Don Shirley, um pianista afro-americano de renome mundial, recruta o ítalo-americano Tony Lip (Viggo Mortensen) como motorista e guarda-costas. Apesar de muito diferentes entre si, os dois desenvolvem uma ligação ao enfrentar o racismo e os perigos de uma era de segregação racial extrema.

Capitã Marvel

Parte do Universo Cinematográfico Marvel, o longa foi um marco por ser o primeiro filme solo de uma heroína do estúdio. Protagonizada por Brie Larson e dirigido por Anna Boden e Ryan Fleck, a produção tem no elenco ainda Samuel L. Jackson, Jude Law e Ben Mendelsohn. A trilha sonora, composta sobretudo por faixas dos anos 1990 cantadas por mulheres, também chamou atenção.

Nós

Aclamado pelo suspense Corra!, o diretor Jordan Peele retornou com este filme perturbador, sobre uma família que, enquanto passa um final de semana na praia, começa a ser perseguido por seus próprios duplos. Lupita Nyong'o, Winston Duke, Elisabeth Moss e Tim Heidecker interpretam tanto os protagonistas quanto suas versões "más", entregando atuações impressionantes - com destaque para Lupita.

Vingadores: Ultimato

Esse foi sem dúvidas o grande lançamento do ano para os fãs de super-heróis - mas, aparentemente, não só para eles: somando os números do período regular de estreia e os do relançamento, na versão com cenas extras, Vingadores: Ultimato se tornou a maior bilheteria de todos os tempos, arrecadando mais de US$ 2,7 bilhões ao redor do mundo. O filme dirigido por Joe e Anthony Russo reúne diversos heróis do Universo Cinematográfico Marvel, e, assim, conta com um elenco impressionante: Robert Downey Jr, Scarlett Johansson, Mark Ruffalo, Chris Pratt, Chris Evans, Chris Hemsworth, Brie Larson, Chadwick Boseman, Paul Rudd, Bradley Cooper, Benedict Cumberbatch, Tom Holland e Josh Brolin são alguns dos atores presentes.

Aladdin

Mais um na safra de live-actions que vêm sendo produzidos pela Disney nos últimos anos, a nova versão de Aladdin recriou a clássica história do jovem pobre e esperto que descobre uma lâmpada mágica, libertando um gênio que pode lhe conceder três desejos. Mena Massoud interpreta o protagonista, enquanto Naomi Scott assume o papel da princesa Jasmine, e Will Smith, do icônico gênio, favorito de grande parte dos fãs. A atuação de Smith foi elogiada; assim como a direção de Guy Ritchie.

Rocketman

Na esteira do sucesso da cinebiografia sobre Freddie Mercury e o Queen, saiu Rocketman, com direção do mesmo Dexter Fletcher que finalizou Bohemian Rhapsody. Taron Egerton interpreta um Elton John em início de carreira, nesta biografia que tem ares de fantasia aqui e ali. Egerton também cantou e regravou alguns dos grandes sucessos de John, que aprovou tanto o longa quanto as performances.

John Wick 3: Parabellum

Em um ano em que se consolidou como queridinho da internet e do mundo do entretenimento, Keanu Reeves voltou ao papel de John Wick no terceiro filme da franquia. Dirigido por Chad Stahelski e lotado de cenas de ação - algumas meio absurdas -, John Wick 3: Parabellum conta também com Halle Berry e Laurence Fishburne no elenco.

Toy Story 4

Quase dez anos depois de Toy Story 3, o quarto filme da franquia chegou aos cinemas com novos personagens (como Garfinho, Coelhinho e Patinho); além, é claro, de velhos conhecidos do publico, como Woody, Buzz e Jesse - que agora são brinquedos de uma nova criança, a menina Bonnie. Josh Cooley dirige; e o elenco original de dubladores conta com Tom Hanks, Tim Allen, Annie Potts, Joan Cusack, Tony Hale, Keegan-Michael Key, Jordan Peele, Christina Hendricks e Keanu Reeves.

Turma da Mônica: Laços

Os personagens de quadrinhos mais famosos do Brasil - e importados para diversos outros países - finalmente ganharam uma versão em live-action: Giulia Benite, Laura Rauseo, Kevin Vechiatto e Gabriel Moreira deram vida a Mônica, Magali, Cebolinha e Cascão, em um filme fofo e nostálgico. Sucesso de bilheteria, o longa já teve sequência confirmada.

O Rei Leão

Em 2016, Jon Favreau assinou a versão live-action de Mogli; e o sucesso do filme fez a Disney convocar o diretor para outra recriação lotada de animais gerados por computação gráfica: O Rei Leão, que teve Donald Glover, Beyoncé, Chiwetel Ejifor, John Oliver, Seth Rogen e Billy Eichner no time de dubladores - além de James Earl Jones, que retornou ao papel de Mufasa; mesmo personagem que dublou na versão clássica de 1994.

Era Uma Vez em Hollywood

O diretor Quentin Tarantino retorna com uma trama ambientada na Hollywood do final dos anos 1960; acompanhando um ator decadente interpretado por Leonardo Di Caprio e seu dublê, interpretado por Brad Pitt. Os dois são vizinhos do diretor Roman Polanski e da atriz Sharon Tate (aqui, vivida por Margot Robbie) - que foi assassinada por membros da seita criada pelo infame Charles Manson.

Bacurau

Escrito e dirigido por Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, Bacurau foi o grande destaque do cinema brasileiro em 2019: o filme ganhou o Prêmio do Júri no Festival de Cannes, tornando-se a segunda produção brasileira da história a vencer a categoria, depois de O Pagador de Promessas (1962). Estrelado por Sônia Braga, Udo Kier e Bárbara Colen, o longa narra a história de uma comunidade em Bacurau, pequena cidade brasileira no oeste de Pernambuco, que de repente descobre que sua cidade foi apagada da maioria dos mapas.

Coringa

O longa dirigido por Todd Phillips apresentou uma nova visão para o surgimento do vilão mais famoso das histórias do Batman - uma versão mais séria, mais realista, com ares mais de drama do que de "filme de super-herói". O protagonista Joaquin Phoenix é um dos cotados do ano para receber uma indicação ao Oscar de Melhor Ator. Robert De Niro e Zazie Beetz também estão no elenco.

El Camino: A Breaking Bad Movie

A Netflix pegou os fãs de surpresa ao anunciar, poucas semanas antes da estreia, um filme derivado de Breaking Bad, premiadíssima série do canal AMC que acabou em 2013. O ator Aaron Paul voltou ao papel de Jesse Pinkman para protagonizar o longa, que narra o que aconteceu com o personagem imediatamente após o último episódio do seriado. A direção é de Vince Gilligan, criador de Breaking Bad e da derivada Better Call Saul.

O Irlandês

Com mais de três horas de duração, O Irlandês é uma parceria entre a Netflix e o consagrado diretor Martin Scorsese; e reúne três gigantes da atuação: Robert De Niro, Joe Pesci e Al Pacino. O longa acompanha Frank Sheeran (De Niro), um veterano de guerra que concilia a vida de caminhoneiro com a de assassino de aluguel. Cotado para algumas indicações ao Oscar, o filme desperta novamente a polêmica em relação à presença de produções de plataformas de streaming nas premiações voltadas ao cinema.

Ford vs Ferrari

Baseado em fatos reais, o drama esportivo dirigido por James Mangold acompanha os esforços da montadora norte-americana Ford para construir um carro que possa derrotar a equipe da Ferrari na corrida de 1966. Christian Bale e Matt Damon lideram o elenco, que conta também com Caitriona Balfe, Josh Lucas, Noah Jupe, Tracy Letts e Jon Bernthal.

A Vida Invisível

Selecionado para representar o Brasil na categoria Melhor Filme Estrangeiro do Oscar 2020, A Vida Invisível é o sexto longa-metragem do cearense Karim Aïnouz, e venceu a mostra Um Certo Olhar, do Festival de Cannes. A veterana Fernanda Montenegro é o grande destaque do elenco - há quem aposte até mesmo em uma segunda indicação ao Oscar de Melhor Atriz para a artista. Para os catarinenses, é interessante destacar a presença da diretora-assistente Nina Kopko, natural de Porto União e formada pela UFSC.

Parasita

Uma das grandes surpresas do ano, Parasita vem da Coreia do Sul, e combina drama, humor e suspense na mesma história. Dirigido por Bong Joon-ho, o filme é a grande aposta como vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro - e muitos críticos apontam que a produção pode até ser indicada a Melhor Filme.

Star Wars: a Ascensão Skywalker

O Episódio IX encerra a terceira trilogia da saga Star Wars, e traz de volta Adam Driver, John Boyega, Daisy Ridley e Oscar Isaac, em papéis já conhecidos pelo público. J.J. Abrams dirige o filme.

Cats

Um clássico da Broadway chega agora aos cinemas - o musical Cats, originalmente criado por Andrew Lloy Weber, ganha versão cinematográfica pelas mãos de Tom Hooper, em uma produção estrelada: artistas como Ian McKellen, Jennifer Hudson, Idris Elba, James Corden, Judi Dench, Taylor Swift e Francesca Hayward estão no elenco. Os primeiros vídeos divulgados causaram polêmica na internet: muita gente estranhou a combinação de maquiagem e efeitos especiais usada para dar traços felinos aos atores. O filme chega ao Brasil na semana do Natal.

Colunistas