nsc
hora_de_sc

Pandemia

Florianópolis autoriza reabertura de shoppings e academias com protocolo de segurança

Regras mais rígidas haviam sido implantadas na semana passada para conter avanço do coronavírus na Capital

29/06/2020 - 17h10 - Atualizada em: 29/06/2020 - 18h54

Compartilhe

Lucas
Por Lucas Paraizo
Coronavirus florianopolis
(Foto: )

A prefeitura de Florianópolis anunciou nesta segunda-feira (29) o retorno das atividades de shoppings, academias e galerias comerciais na cidade. Em nota divulgada no fim da tarde, o prefeito Gean Loureiro afirma que "o retorno neste momento não é o ideal", mas que a Capital segurou "até onde foi possível".

> Máscaras obrigatórias: entenda quando usar e como funciona a multa em Florianópolis

Os estabelecimentos poderão voltar a funcionar nesta terça-feira (30) seguindo um novo protocolo de prevenção ao coronavírus, que inclui testagem por amostragem para identificar e isolar profissionais dos setores que estão contaminados. O protocolo prevê também a obrigatoriedade de um sistema de QR Code para clientes, triagem de pessoas com sintomas e procedimentos de desinfecção rigorosos.

A reabertura vem em um momento delicado no combate ao coronavírus em Florianópolis, Cerca de 85% dos leitos de UTI na Capital estão ocupados e a situação preocupa com o aumento nas internações por outras doenças respiratórias típicas do inverno. 

A prefeitura de Florianópolis havia fechado os shoppings e academias na quarta-feira passada (24), após ver os casos de coronavírus crescendo rapidamente na região. O decreto citava que as medidas deveriam vigorar por 14 dias, mas serão derrubadas menos de uma semana depois.

O retorno das atividades em bares e restaurantes, que também estão com restrições mais rígidas desde o dia 24, será pauta de uma reunião entre a prefeitura e representantes do setor nesta terça-feira.

Testagem ainda não tem data para ocorrer

O protocolo prevê que uma amostra dos trabalhadores de shoppings, academias, restaurantes e galerias passe por testagem de covid-19, no entanto ainda não há data definida para que os exames ocorram. A Secretaria de Saúde está alinhando os detalhes e deve comunicar aos empresários nesta terça-feira.

A testagem será feita em parceria com o Movimento Floripa Sustentável, que une 43 entidades com empresários e profissionais liberais da Capital. O grupo irá arcar com os custos da contratação de profissionais de saúde. Conforme a presidente do movimento, Zena Becker, o plano é usar testes rápidos para identificar os casos positivos em profissionais sem sintomas e isolar esses trabalhadores.

> Veja todos os números atualizados sobre o coronavírus em SC

Colunistas