nsc
an

Sem água

Apagão em São Francisco do Sul prejudica também abastecimento de água; veja bairros afetados

Bairros localizados em morros foram os mais afetados; moradores ficaram por cerca de 13 horas sem água nem energia

01/12/2021 - 10h44 - Atualizada em: 01/12/2021 - 10h58

Compartilhe

Sabrina
Por Sabrina Quariniri
Moradores de seis bairros ficaram pelo menos por 13 horas sem água nem energia
Moradores de seis bairros ficaram pelo menos por 13 horas sem água nem energia
(Foto: )

O apagão em cidades do Norte catarinense ocasionado pela queda de um árvore em uma rede de abastecimento de energia deixou também pelo menos seis bairros sem água em São Francisco do Sul durante a tarde de terça-feira (30) e madrugada de quarta-feira (1°).  

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

De acordo a Águas de São Francisco, logo que acabou a energia, por volta das 15h, moradores dos bairros Rocio Grande, Água Branca, Acaraí, Rocio Pequeno, Olaria e Paulas ficaram totalmente sem abastecimento. 

Isso porque, segundo a companhia, essas localidades ficam localizadas em regiões de morro na cidade e necessitam de bombas elétricas de pressão (os boosters) para que a água seja levada até essas moradas. Por isso, o abastecimento ficou interrompido.

 - A concessionária tem gerador ETA, mas nos bairros onde precisa do booster, o abastecimento foi afetado - explicou a companhia. 

Ainda conforme a Águas de São Francisco do Sul, as regiões de praias, Reta Iperoba, Paulas, Tapera e Ubatuba também ficaram parcialmente sem água. O sistema foi restabelecido junto com a energia elétrica, por volta das 4h30 desta quarta. 

Ruas afetadas

No bairro Rocio Grande, as ruas Presbítero João Leite, Oliveiras, Antônio Machado de Souza, Travessas da Geralda e Antônio Machado de Souza ficaram sem água. No Água Branca, as ruas Manoel Gomes Rites, Aramis José da Rocha e rua 45 foram afetadas. 

No Acaraí, as ruas Hercilío Braulio Correa, Antonio G. de Oliveira, Travessa da Binot Palmier de Goneville, Rosa Lilia de Oliveira, Angelo Brehn, Franclin de Oliveira, Vereador Ruth Nobrega Martinez e Tranquilino Furtunato Alves ficaram sem água. 

Já no Rocio Pequeno, moradores das ruas Ubirajara Alves de Carvalho, Rogerio Zatar, Antônio Zata, parte da Simão Tomazelli, João Machado Pereira , João A. da Silva, Lourisval Francelino de Carvalho, Portinho, rua 122, Nair dias Veloso, Osnildo Bruno Pereira, Hercilio Cordeiro de Ramos, Melício Francisco Dias e Cândido Silva tiveram abastecimento prejudicado. 

No bairro Olaria e Paulas, as ruas Herminio Viêira, Lindomar de Souza, Manoel João Simas, Dr. Francisco Mascarenhas, Matilde F. Furtado, Florinda Caetano, João Ezequiel Amarante, João Budal Arins, Cândido Silva, Sofia Mará, Querino Gonçalves, Moisés E. dos Santos, Virgílio Machado Cídral, Henrique Gomes, Antônio Silva, José Clemente dos Reis, Sophia Amara Cardoso dos Santos e Servidão Ondina de Oliveira Gomes ficaram sem água. 

Energia voltou após 13 horas

Após 13 horas de apagão que afetou pelo menos três cidades do Norte catarinense, a energia elétrica foi restabelecida durante a madrugada desta quarta-feira. 

Segundo a Celesc, a falha na rede de transmissão foi ocasionada pela queda de uma árvore às 15h de terça-feira (30) e deixou 50 mil consumidores das cidades de Araquari, Balneário Barra do Sul e São Francisco do Sul no escuro.

De acordo com o gerente regional da Celesc, Wagner Vogel, o trabalho realizado para que o sistema fosse restabelecido foi de alta complexidade, já que o local em que houve o problema era de difícil acesso, e exigiu a presença de 40 profissionais da Celesc, além do apoio da prefeitura de Araquari.

Leia também:

Homem é morto após ser baleado nas costas em São Francisco do Sul

Corpo sem cabeça é encontrado na praia em Itapoá

Morre Ivair Nicocelli, fundador do Curupira Rock Club, de Guaramirim

Prevista para 2023, concessão de mais rodovias em SC tem novo decreto

Colunistas