Após interdição por duas semanas, o governo do Estado e a empresa F. Andreis firmaram um acordo para melhorias na balsa da Vigorelli, que faz a travessia entre Joinville e São Francisco do Sul. O termo de compromisso foi assinado na tarde de quarta-feira (7) pelo secretário de Infraestrutura e Mobilidade Jerry Comper.

Continua depois da publicidade

Clique para receber notícias de Joinville e região no WhatsApp

Antes de projeto, ponte da Vigorelli terá estudo para avaliar se é viável

O documento estabelece, entre outras coisas, que a empresa estará sob fiscalização da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Santa Catarina (Aresc) a partir de agora e deve se responsabilizar pelas melhorias a serem elencadas após vistoria do Estado ao equipamento, como:

  • Readequação de horários conforme a demanda;
  • Reajuste de valores;
  • Melhorias de estrutura na balsa;
  • Implementação de sistema de bilhetagem eletrônica que permite que os pagamentos sejam feitos por máquina de cartão ou pix;
  • Prestação de contas à Aresc relacionadas à receita.

Continua depois da publicidade

Em resumo, o Estado voltou a ter poder de gerenciar e fiscalizar o serviço, já que a operação das balsas no local estava sem regulamentação há cerca de 30 anos, desde 1994. Anteriormente, apenas o trabalho de embarcação era acompanhado pela Marinha do Brasil, não o serviço de travessia em si.

Mesmo com documento, no entanto, não há um prazo para que as melhorias sejam implementadas. A SIE complementa que não falará em prazos neste momento, mas que já tem alinhado com a empresa para que tudo seja executado “o mais rápido possível”.

Após o termo assinado, a Aresc e a Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade devem criar um grupo para acompanhar a evolução do cumprimento deste termo de compromisso firmado. Os trabalhos iniciam após o Carnaval.

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total