nsc
santa

Homenagem

Árvore de Natal que ficou intacta após tragédia no Alto Vale é decorada com o nome das vítimas

Bombeiros voluntários também usaram enfeites encontrados em meio à lama

23/12/2020 - 12h17 - Atualizada em: 23/12/2020 - 12h54

Compartilhe

Bianca
Por Bianca Bertoli
Bombeiros voluntários penduraram balões com os nomes das vítimas
Bombeiros voluntários penduraram balões com os nomes das vítimas
(Foto: )

A árvore de Natal que estava na praça em frente à prefeitura de Presidente Getúlio e que resistiu à enxurrada da última quarta-feira (16) recebeu uma decoração especial uma semana depois. Nesta manhã, os bombeiros voluntários da cidade penduraram nela balões com os nomes das 18 vítimas da tragédia e enfeites encontrados nos escombros.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Santa

— O nosso Natal acabou, mas para trazer um clima, ainda que pequeno, decidimos fazer essa homenagem — contou o comandante dos bombeiros voluntários, Alex de Lima.

Antes do temporal, a árvore foi colocada em uma espécie de carrocinha, ao lado do boneco do Papai Noel. Por causa da altura não foi destruída pelo mar de lama que atingiu o Centro, bairro onde está localizado o prédio da prefeitura. Assim, os socorristas decidiram usar as bolas doadas por moradores e as que encontraram enquanto procuravam por desaparecidos para enfeitar novamente um dos símbolos do Natal.

> Entenda por que a chuva foi tão intensa em Presidente Getúlio

Após uma rápida homenagem, os 18 balões brancos com os nomes das vítimas da tragédia foram amarrados à árvore.

Homenagem ocorreu na manhã desta quarta-feira (23)
Homenagem ocorreu na manhã desta quarta-feira (23)
(Foto: )

Brinquedos às crianças

Nesta tarde os bombeiros também planejam levar brinquedos às crianças das famílias que perderam o que tinham na enxurrada.

— Durante os trabalhos vimos os pais limpando a lama enquanto as crianças se divertiam sem brinquedos, porque tudo foi levado — relata Lima.

> Sobrevivente da tragédia no Alto Vale lembra noite de terror: "a morte bateu à porta de todo mundo"

Dezenas de sacolas com brinquedos foram doadas ao município, o que possibilitará a ação. Com os 18 corpos encontrados e as buscas encerradas, os socorristas podem levar um pouco de alegria aos moradores. Agora, dedicam-se a entregar doações, ajudam na limpeza e nas ocorrências que surgem cotidianamente.

Tragédia em Presidente Getúlio

A chuva forte e deslizamentos causaram uma avalanche de barro em Presidente Getúlio, que destruiu ruas, carregou casas inteiras e alagou centenas de imóveis, principalmente no bairro Revólver, o mais afetado, o Centro e Rio Ferro. Até a tarde desta terça-feira (22), 627 famílias estavam em lares de parentes. Ao menos 3.300 moradores foram prejudicados pelo fenômeno. 

O temporal também causou estragos em outras cidades do Alto Vale, como Ibirama e Rio do Sul. Juntas, as três cidades somam 21 mortos.  

Colunistas