nsc
    an

    PRECONCEITO

    Ataque racista interrompe evento virtual do IFC de São Francisco do Sul

    Instituição realizava reunião aberta à comunidade para debater o racismo

    20/11/2020 - 14h11 - Atualizada em: 20/11/2020 - 14h30

    Compartilhe

    Hassan
    Por Hassan Farias
    Sede do campus do IFC em São Francisco do Sul
    Sede do campus do IFC em São Francisco do Sul
    (Foto: )

    Um evento online do Instituto Federal Catarinense (IFC) de São Francisco do Sul para debater o racismo foi invadido por hackers com ofensas racistas e imagens pornográficas na última quinta-feira (19). Foi mais um caso de intolerância e preconceito registrado em Santa Catarina. Nos últimos dias houve ataques a primeira vereadora negra eleita em Joinville e durante uma reunião do IFC de Araquari.

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    O diretor do campus do IFC em São Francisco do Sul, Adalto Aires Parada, explica que o ataque aconteceu durante um evento do Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Índigenas que debatia o tema racismo.

    - O evento que, justamente buscava discutir a questão racista, passou a ser invadido por um grupo que começou a projetar imagens de cunho racista, pornográfico e de exaltação ao sistema nazista. Além disso, foram proferidas palavras de ordem, como "macaco" - conta.

    Cerca de 70 pessoas participavam da reunião online no momento do ataque. Uma psicóloga do Rio Grande do Sul era a convidada para falar sobre a Consciência Negra, na véspera da data especial em que é celebrada em todo o Brasil.

    > "Racismo ameaça a vida das pessoas", diz vereadora atacada em Joinville

    Segundo o diretor, houve uma tentativa de diálogo com os hackers para dar sequência à reunião, mas não houve sucesso. Com isso, o evento teve continuidade em uma nova sala de reuniões em outra plataforma.

    Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de São Francisco do Sul, que vai investigar o caso. Segundo o diretor do IFC, o vídeo completo da reunião será entregue à Polícia Civil.

    > Homem negro é espancado até a morte em supermercado de Porto Alegre

    IFC condena ataques racistas

    Adalto Parada também salientou que a reitoria do Instituto Federal Catarinense, juntamente com todos os dirigentes dos demais campi e seus servidores, condena veementemente o ataque racista registrado durante a reunião.

    Segundo ele, o IFC mantém o seu papel de buscar a igualdade entre as pessoas e buscará todos os meios de responsabilizar aqueles que provocaram o ataque na última quinta-feira.

    - Eles só podem ser classificados como um crime contra a nossa sociedade e às pessoas - finalizou.

    > Casos de racismo expõem desafios para combater o preconceito em SC

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas