nsc

    Bolso vazio

    Aumento nos combustíveis já será percebido no fim de semana em Florianópolis, diz dirigente do Sindicato dos postos

    Novo reajuste foi anunciado pela Petrobras na quinta-feira, 18

    19/02/2021 - 14h28 - Atualizada em: 19/02/2021 - 14h32

    Compartilhe

    Jorge
    Por Jorge Jr.
    Valor será sentido pelo consumidor na bomba
    Valor será sentido pelo consumidor na bomba
    (Foto: )

    O aumento no preço dos combustíveis anunciado pela Petrobras, o quarto só em 2021, poderá ser percebido pelos consumidores da Grande Florianópolis já neste fim de semana, de acordo com Joel Fernandes, vice-presidente do Sindópolis.

    > Clique aqui e receba notícias de Florianópolis ou região pelo WhatsApp

    O dirigente do Sindicato de Comércio Varejista de Combustíveis e Minerais de Florianópolis afirmou, em entrevista ao Notícia na Manhã, que os valores serão aumentados assim que os postos receberem os produtos reajustados pelas refinarias.

    — Já há alguns postos hoje (sexta, 19) mudando seus preços. À medida que os combustíveis forem sendo recebidos, o revendedor repassará o preço na bomba. Nós orientamos os nossos associados a fazer o repasse só após receber os novos produtos da companhia.

    > Preço da gasolina passa de R$ 5 nos postos de Blumenau

    O presidente Jair Bolsonaro disse na quinta-feira que irá isentar de impostos o gás e o diesel, além de realizar mudanças na Petrobras. Segundo Joel Fernandes, ainda não dá para saber como ficará o preço do diesel.

    > Bolsonaro anuncia isenção de impostos federais sobre gás e diesel

    — Nós não tivemos acesso ainda a toda a medida provisória, mas quanto ao diesel é uma fórmula que ele tem de zerar esse impostos para que não tenha uma greve generalizada, uma vez que não se consegue repassar ao transportador os aumentos de combustível normal, então o governo começa a bancar alguma coisa.

    Os postos bandeirados recebem em média o preço por litro a R$ 4,50, e os não-bandeirados recebem a R$ 4,40

    Ouça a entrevista na íntegra

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Economia

    Colunistas