nsc
an

Recuperação

Bailarina que sofreu acidente em Joinville passa por nova cirurgia após voltar para casa

Maria Eduarda Meireles, de 15 anos, perdeu um dedo do pé no acidente e agora descobriu que também faturou a mandíbula

20/10/2021 - 13h15

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Maria Eduarda, de 15 anos, perdeu dedo mindinho após acidente em Joinville
Maria Eduarda, de 15 anos, perdeu dedo mindinho após acidente em Joinville
(Foto: )

A bailarina Maria Eduarda Meireles, de 15 anos, que teve o dedo do pé amputado após um acidente de trânsito em Joinville, precisou passar por uma nova cirurgia após voltar para casa. A jovem que mora em Guará, no Distrito Federal, descobriu uma fratura na mandíbula.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Nas redes sociais, a bailarina respondeu perguntas dos seguidores na última terça-feira (19) e revelou que descobriu a fratura na mandíbula na semana passada. A cirurgia aconteceu no domingo (17) e a jovem agora está em recuperação, com uso de gelo no rosto e ingestão apenas de líquidos. 

Na quinta-feira (21), a bailarina também vai retirar os pontos que ainda permaneceram na cirurgia que realizou no pé em Joinville. Ela contou que, além da amputação do dedo, também vai ficar com uma marca na orelha e a cicatriz na mandíbula.

- O carinho que tô recebendo da minha família e dos meus amigos tá deixando tudo mais leve - disse ela.

O desejo de Maria Eduarda agora é melhorar o quanto antes para voltar a fazer o que ama. No entanto, garante que vê toda a situação como uma oportunidade para ter mais determinação e valorizar mais a saúde e disposição no dia a dia.

Relembre o acidente

Uma grave colisão entre um caminhão e uma van deixou oito pessoas feridas na madrugada do dia 8, em Joinville. A van era ocupada por bailarinos de Brasília que iriam se apresentar no evento. A batida aconteceu no viaduto da rua Ottokar Doerffel, no bairro São Marcos.

As vítimas foram encaminhadas para o atendimento pelos socorristas dos bombeiros e Samu. Cinco foram levadas ao Hospital Municipal São José, duas para o Regional e uma ao Hospital Dona Helena. A pessoa com maiores ferimentos foi Maria, que precisou ser internada.

De acordo com informações da assessoria do Instituto Festival de Dança de Joinville, o grupo Corpo de Baile Noara Beltrami alugou a van em Curitiba e estava há cerca de 700 metros da casa onde ficariam hospedados quando o acidente aconteceu.

Leia também:

Vídeo flagra atropelamento de criança na faixa de pedestre em Joinville; motorista fugiu

Haitiano denuncia xenofobia de funcionários de indústria em Joinville

Homem é assassinado a tiros na rua em Joinville

Advogado é condenado a 20 anos de prisão por matar pai e irmã a tiros em São Bento do Sul

Colunistas