Ambulatórios gerais e postos de saúde vão abrir as portas neste sábado (21) em Blumenau para colocar em dia a caderneta de imunização de crianças e adolescentes. O atendimento será feito das 8h às 17h e, ao todo, serão disponibilizadas 14 diferentes vacinas (veja lista abaixo).

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região por WhatsApp

A aplicação das vacinas será feita em pessoas menores de 15 anos com doses pendentes. O objetivo é imunizar 90% do público-alvo até o fim da campanha de multivacinação, que encerra no dia 28 de outubro. Entre as vacinas ofertadas durante a Campanha Nacional de Multivacinação estão:

  • Tríplice (sarampo, caxumba e rubéola)
  • Hepatite A e B
  • Pentavalente (difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e meningite e infecções por HiB)
  • Vacina Oral do Rotavírus Humano
  • Poliomielite (VOP)
  • Vacina Inativada Poliomielite (VIP)
  • Pneumocócica 10 valente
  • Febre Amarela
  • Tríplice Bacteriana (DTP)
  • Difteria
  • Tétano
  • Meningocócica C
  • HPV

A Secretaria de Promoção da Saúde de Blumenau reforça que a caderneta de vacinação deve ser apresentada no momento da aplicação das doses. Quem não conseguir levar a criança ou adolescente na unidade no fim de semana, pode procurar atendimento de segunda a sexta-feira.

Continua depois da publicidade

A campanha de multivacinação começou na cidade em 16 de outubro. Desde então, 6.491 crianças e adolescentes compareceram para verificação da caderneta. Destas, 2.320 receberam vacinas da campanha que estavam pendentes, segundo a prefeitura.

Todos os ambulatórios gerais também vão atender no sábado (21). Os postos de saúde que terão imunização no dia são apenas os da lista abaixo:

ESFs com sala de vacina

ESF Afonso Balsini
Rua José Reuter, 2412 – Velha Pequena

ESF Afonso Rabe
Rua Uruguaiana, 411 – Ponta Aguda

ESF Ângelo de Caetano
Rua Godofredo Rangel, 100 – Fidélis

ESF Augusto César Viana
Rua General Osório, 2677 – Água Verde

ESF Enfermeira Tânia Leite
Rua Francisco Benigno, 55 – Jordão

ESF Geraldo Schmidt Sobrinho
Rua Johann Sachse, ao lado do número 2602 – Salto do Norte

ESF Germano Puff
Rua 1º de Janeiro, 74 – Itoupava Norte

ESF Gilson Piva
Rua Jardim Germânico, s/nº – Itoupavazinha

ESF Glodoaldo Lino de Amorim
Rua Araranguá, 728 – Ribeirão Fresco

ESF Gustavo Tribess
Rua Hermann Tribess, 1975 – Tribess

ESF Hasso Müller
Rua Hermann Tribess, 457 – Tribess

ESF Evacir Barth
Rua Roberto Koch, 78 – Tribess

ESF Lothar Franz
Rua Helmuth Sievert. s/nº – Itoupava Norte

ESF Nair Neves Pereira
Rua Matos Costa, 77 – Passo Manso

ESF Otto Bartsch Neto
Rua Cuba, 40 – Ponta Aguda

ESF Pedro Krauss
Rua Itajaí, 1519 – Vorstadt

ESF Tereza Lescowicz
Rua Felipe Bauler, 2155 – Itoupavazinha

ESF Valério José Steil
Rua João Pessoa, 1858 – Velha

ESF Waldemar Felski
Rua General Osório, 660 – Velha

ESF Walter Reiter
Rua Guilherme Poerner, 1280 – Velha

ESF Wilhelm Theodor Schurmann
Rua Pérola do Vale, 377 – Itoup. Central

ESF Dr. Wilson Santhiago
Rua Antônio Zendron, 1.625 – Valparaíso

ESF Zerbert Kraupp
Rua Nesio Antunes da Silva, 135 – Nova Esperança

ESF Alfredo Hoess
Rua Max Hauffe, 432 – Vila Itoupava

ESF Thamara Katryne Rodrigues Schmidt
Rua Santa Maria, 2056 – Progresso

ESF Áurea Pfuetzenreiter
Rua Bahia, 5353 – Salto Weissbach

Sem sala de vacina, mas abertas, excepcionalmente, para o ‘Dia D’

ESF Norberto Sprung
Rua Hermann Lange, ao lado 2268 – Fidélis

ESF Martin Volles
Rua Franz Volles, s/nº – Itoupava Central

ESF Harold Ewald
Rua Frederico Jensen, 2491 – Itoupavazinha

ESF Maria Schlindwein Baumgartner
Rua da Glória, 1993 – Glória

Um desafio de alcançar a meta

Atingir a meta de 90% de imunização do público-alvo para cada doença contra que existe proteção se tornou um desafio para o gestores públicos. Dados da Secretaria de Promoção da Saúde de Blumenau, divulgados em julho do ano passado, mostravam uma redução significativa na busca pelas doses que protegem contra sarampo, meningite e poliomielite. 

A vacina chamada de Meningo C teve uma redução de 29,2 pontos percentuais se comparados os números de 2015 e 2021. Enquanto chegou a 104,4% sete anos atrás, caiu para 75,2% no ano retrasado. Quando observados os dados da Tríplice Viral, que protege do sarampo, rubéola e caxumba, a situação também preocupa. A aplicação diminuiu 16,2%.

Continua depois da publicidade

A vacina da Poliomielite, fundamental para evitar a paralisia infantil, não chegou os 90% estipulados como meta pelo Ministério da Saúde há seis anos em Blumenau.

Os dados de 2022 mostram que o desafio persiste. A cobertura de vacinação da Meningo C ficou em 89,9%, da Tríplice Viral chegou a 87,7% e da Poliomielite alcançou 87,8%.

Levantamento do NSC Total mostra evolução da imunização em Blumenau (Foto: Arte, NSC TV)

Leia mais

Como o seu corpo reage quando você não toma água

As substâncias tóxicas e perigosas que estão dentro de casa

É por isso que devemos retirar anéis e alianças antes de correr

Destaques do NSC Total