nsc
dc

Viagem presidencial

Arena Condá, fábrica e palestra: como foi o dia de Bolsonaro em Chapecó antes da motociata

Presidente participa de motociata em Chapecó e Xanxerê às 9h da manhã deste sábado

25/06/2021 - 14h02 - Atualizada em: 25/06/2021 - 20h48

Compartilhe

Catarina
Por Catarina Duarte
Clarissa
Por Clarissa Battistella
Bolsonaro chegou a Chapecó pouco antes das 15h
Bolsonaro chegou a Chapecó pouco antes das 15h
(Foto: )

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) cumpre agenda em Santa Catarina nesta sexta-feira (25). O avião presidencial pousou no Aeroporto de Chapecó por volta das 14h50. Essa é a oitava vinda do presidente às terras catarinenses desde que foi eleito e a segunda visita ao maior município do Oeste do Estado.​

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp​

Motociata de Bolsonaro vai fechar rodovia e mobilizar PM de quatro regiões

Bolsonaro desembarcou do avião sem máscara e cumprimentou apoiadores que estavam em frente ao aeroporto. Parte do grupo também não usava a proteção. Manifestantes também estiveram no local. Houve gritos a favor e contra o presidente (assista abaixo).

Bolsonaro e João Rodrigues em vistoria de obras na Arena Condá
Bolsonaro e João Rodrigues em vistoria de obras na Arena Condá
(Foto: )

Em seguida, o presidente seguiu para o primeiro compromisso da agenda presidencial, uma visita a Arena Condá. Na casa do clube Chapecoense, Bolsonaro fez uso da máscara de proteção à Covid-19 ao vistoriar as instalações. Ao sair para o campo, ele tirou a proteção imediatamente. O item é obrigatório no Estado, conforme decreto, e passível de multa de R$ 500 para quem não a usar em espaços fechados.

A vice-governadora de Santa Catarina, Daniela Reinehr (sem partido), e o prefeito de Chapecó, João Rodrigues (PSD), acompanham o presidente. Ambos usavam máscara durante todo o tempo.

Chapecó fica em uma das 15 regiões de saúde do Estado em situação gravíssima por causa do coronavírus e enfrenta, mais uma vez, a superlotação hospitalar.

No campo do estádio, o presidente chutou ao menos três bolas em gol e acertou o último. O momento foi comemorado. Dos R$ 18,4 milhões investidos na obra, R$ 15,6 milhões vieram do Governo Federal.

Bolsonaro chega a Chapecó com recepção de apoiadores; veja fotos

Da mesma visita, participaram o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Duarte Guimarães, e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Presidente esteve em indústria de alimentos
Presidente esteve em indústria de alimentos
(Foto: )

O compromisso oficial seguinte foi uma visita a empresa de alimentos, onde Bolsonaro chegou pouco depois das 16h e permanceu cerca de meia hora. Dentro do local, o presidente da República voltou a usar máscara. Na saída, ele abriu a porta da caminhonete e acenou para apoiadores rapidamente, mas foi embora sem falar com a imprensa.

Por fim, Bolsonaro participou de um evento fechado com empresários. O presidente da República chegou no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes por volta das 19h. Daniela e João Rodrigues o acompanharam. No local, falou com a imprensa ou apoiadores.

Segundo a Prefeitura de Chapecó, mais de cem empresários participaram da palestra. Na ocasião, o presidente disse que o governo foi montado sem loteamento de cargos por partidos e que o Brasil está "superando o período mais crítico, graças as medidas adotadas pelo Governo".

No mesmo evento, João Rodrigues aproveitou para ressaltar o trabalho da administração municipal para o combate da pandemia, como a ampliação de leitos de UTI e a implantação do lockdown inverso. Além disso, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, anunciou que determinou ao DNIT a contração de um projeto para a duplicação da BR-282 e recursos para a restauração da BR-163.

Mais de cem empresários participaram do evento
Mais de cem empresários participaram do evento
(Foto: )

Próximos compromissos

Bolsonaro dormirá em Chapecó, em local não divulgado pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI). No sábado (26), a partir das 9h, o presidente participa da “motociata” que sairá do Distrito Industrial Flávio Baldissera.

O grupo seguirá até Xanxerê, onde Bolsonaro inaugura uma agência da Caixa Econômica Federal. A “motociata” retornará a Chapecó e encerrará no Centro de Eventos.

STF veta convocação de governadores e Moisés não vai à CPI da Pandemia

O governador Carlos Moisés (PSL) não vai acompanhar a visita de Bolsonaro. Ele participaria ainda do evento com os empresários, mas se sentiu indisposto. Não foi divulgado se o governo enviará alguém para substituir Moisés.

Assista ao vídeo da chegada de Bolsonaro em Chapecó

Bolsonaro esteve em Chapecó em abril

Em abril deste ano, o presidente Jair Bolsonaro esteve pela primeira vez em Chapecó. Durante a visita, ele participou de um evento que tratou do combate à pandemia no município do Oeste.

Em seu discurso, o presidente descartou um lockdown nacional e voltou a defender o tratamento precoce contra o coronavírus. Bolsonaro criticou medidas de restrição e repetiu diversas vezes que a "liberdade não tem preço”.

Veja fotos da visita do presidente da República em Chapecó

Bolsonaro chegou sem máscara e se juntou aos apoiadores, aglomerados
Bolsonaro chegou sem máscara e se juntou aos apoiadores, aglomerados
(Foto: )
Houve protesto na chegada do presidente da República
Houve protesto na chegada do presidente da República
(Foto: )
Apoiadores de Bolsonaro aguardaram a sua chegada no aeroporto
Apoiadores de Bolsonaro aguardaram a sua chegada
(Foto: )

Leia também:

Bolsonaro tira máscara, manda repórter e equipe calarem a boca, reclama da CNN e ataca a Globo

Ministro descarta obras paradas em SC e explode primeiro túnel do Contorno Viário da Grande Florianópolis

Colunistas