nsc
dc

Futebol

Brasil x Argentina é suspenso após Anvisa determinar quarentena de jogadores

Fiscais entraram em campo e pediram para que jogadores deixassem a partida; Conmebol confirmou suspensão do jogo

05/09/2021 - 15h39 - Atualizada em: 05/09/2021 - 16h49

Compartilhe

Por Luana Amorim
Folhapress
Por Folhapress
Jogadores em campo discutem com agentes da Anvisa, delegados do jogo e membros da comissão técnica
Agentes da Anvisa entram em campo para cumprir determinação de que quatro jogadores da seleção argentina cumprissem os protocolos sanitários brasileiros
(Foto: )

O jogo entre Brasil e Argentina, válido pelas Eliminatórias da Copa, foi suspenso após a entrada em campo de fiscais da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) na tarde deste domingo (4). O motivo foi a determinação de que quatro jogadores da seleção argentina cumprissem os protocolos sanitários.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Em comunicado divulgado pela Conmebol nas redes sociais, a confederação informou que a partida foi suspensa por "definição do árbitro da partida". Ainda de acordo com a entidade, o árbitro e comissário do jogo informarão a Comissão Disciplinar da FIFA sobre o ocorrido.

A partida teve início às 16h, porém, cerca de cinco minutos depois, fiscais da Anvisa entraram em campo e pediram a retirada dos jogadores. Houve tumulto e o árbitro paralisou o jogo. A seleção argentina se encaminhou ao vestiário logo em seguida.

> Desrespeito da Argentina a protocolo sanitário fez a bola rolar só 4 minutos no clássico

Horas antes, a Anvisa confirmou que atletas argentinos descumpriram regras de quarentena contra a Covid-19. Em nota divulgada neste domingo (5), o órgão disse que acionou a Polícia Federal e que os argentinos devem ser imediatamente isolados.

> Comentarista Caio Ribeiro revela que está com câncer e explica tratamento

Em entrevista à Rede Globo, o diretor da Anvisa, Antônio Barra Torres, disse que durante o cumprimento da medida no hotel onde os jogadores estavam hospedados é que a equipe percebeu que eles haviam saído do local e ido até o estádio.

— Eles desrespeitaram uma lei sanitária brasileira — pontuou o diretor.

Jogadores brasileiros conversam em roda, e praticam com uma bola, enquanto aguardam definições sobre o prosseguimento da partida
Jogadores brasileiros aguardam definição sobre o jogo entre Brasil e Argentina, válido pelas Eliminátorias da Copa do Mundo
(Foto: )

Segundo a Anvisa, os atletas deram informações falsas e ocultaram que estiveram no Reino Unido nos últimos 14 dias. Viajantes que passaram recentemente por este e mais alguns locais (África do Sul, Irlanda do Norte e Índia) não podem entrar no Brasil, conforme regra adotada pelo governo Jair Bolsonaro para evitar a disseminação de variantes da Covid-19.

> Jogadores da Argentina podem ser deportados por descumprirem quarentena

> Jogo suspenso entre Brasil e Argentina vira piada na internet e gera memes

Os atletas Emiliano Martínez, Emiliano Buendia, Giovani Lo Celso e Cristian Romero atuam em clubes da Premier League (liga de futebol da Inglaterra) e estiveram no Reino Unido nos últimos dias. Eles só poderiam ter entrado no país para o jogo das Eliminatórias após 14 dias fora dos locais sob restrição.

Após a confirmação da suspensão da partida, a Seleção Brasileira iniciou um treino coletivo no campo da Neo Química Arena, onde o jogo ocorreria.

Leia também

Motorista embriagado é preso após causar acidente e agredir policiais em Jaraguá do Sul

Incêndio de grandes proporções atinge empresa de Lages; veja o vídeo

Fotos do alargamento em Balneário Camboriú mostram mudanças na faixa de areia em 15 dias

Colunistas