nsc
hora_de_sc

Famosos

Cid Moreira deserda filho e diz: "Foi um engano te adotar"

Roger Felipe Moreira falou sobre o assunto nesta terça-feira (13)

14/07/2021 - 08h49

Compartilhe

Redação
Por Redação Hora
Roger Felipe Moreira
Roger, que é cabelereiro, mostrou o documento enviado por Cid Moreira para avisá-lo de que ele não fazia mais parte de seu testamento
(Foto: )

Roger Felipe Moreira, filho adotivo de Cid Moreira, participou nesta terça-feira (13) do programa Balanço Geral, da Record TV, em que contou ter sido "deserdado" pelo apresentador, que disse que adotá-lo foi "um engano".

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

Roger, que é cabelereiro, mostrou o documento enviado por Cid Moreira para avisá-lo de que ele não fazia mais parte de seu testamento. No documento, Moreira, que hoje tem 93 anos, recordou a ocasião em que Roger ameaçou processá-lo na Justiça do Trabalho, supostamente por conta da ajuda dada por ele em seus trabalhos de locução.

"Você continua sendo meu filho adotivo porque não consegui reverter a adoção", diz o texto. "Eu fiz um documento e deserdei você. Escrevi de próprio punho e assinei. Juntei pareceres de profissionais da saúde para provar que não estou senil. Foi um engano te adotar. Fico feliz em saber que você está sendo capaz de se manter."

Roger é sobrinho da ex-esposa de Cid Moreira, e foi adotado, já adulto, pelo apresentador depois de passar um período de férias na casa dos tios.

> Prova da Comida: participantes do No Limite comem larvas e baratas vivas

> Matilda: veja como está a atriz Mara Wilson nos dias de hoje

Na manhã desta quarta-feira (14), a mulher de Cid Moreira, Fátima Sampaio, usou o Instagram do marido para falar sobre o assunto:

- Ele foi adotado adulto, não um bebê abandonado - disse sobre Roger. - Ele tinha pai e mãe. Ele que deixou pai e mãe para ser adotado pelo Cid, no mesmo ano em que eu casei com o Cid. O Cid cortou relacionamento com ele quando ele saiu falando por aí que estava processando o Cid na Justiça do Trabalho, o que era super injusto na época. Agora está processando o Cid de novo e está falando de amor.

- Peço desculpas pelo desabafo, sinto muito por tudo isso - prosseguiu. - O Cid há 74 anos trabalhando, pagando as contas dele, digno, muito correto. Ele fez a Bíblia completa. O menino ajudou ele na primeira versão, que foram 24 CDs. Ele pagou tudo direitinho para ele. Depois vieram outros técnicos, ele fez a Bíblia completa. Ele acredita bastante na Bíblia. Nós somos humanos, continuamos errando e acertando. Não somos santos, somos pessoas normais.

Leia também:

> Emmy 2021: saiba quais são os indicados nas principais categorias

> Billboard divulga lista com as 50 melhores músicas de 2021 (até agora)

> Põe na Lista: entrevista com Ivan Mizanzuk, criador de O Caso Evandro

Colunistas