nsc
dc

Violência

Cinco assassinatos marcam a virada para 2022 em Santa Catarina

Em um dos casos o corpo foi encontrado parcialmente queimado

01/01/2022 - 09h17

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Polícia Militar precisou intervir para acabar com a confusão em algumas ocorrências
Polícia Militar precisou intervir para acabar com a confusão em algumas ocorrências
(Foto: )

Santa Catarina teve uma virada de ano violenta. Segundo a Polícia Militar, ao menos cinco assassinatos ocorreram no Estado entre a noite de sexta-feira (31) e o amanhecer do sábado (1º). Os crimes aconteceram em municípios diferentes e, em alguns deles, já se tem a identidade do autor do homicídio.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

O primeiro registro ocorreu por volta das 18h30min desta sexta, em São José, quando o corpo de um homem foi encontrado na Rua Pedro Bunn, no bairro Jardim Cidade de Florianópolis. A vítima, ainda não identificada, apresentava sinais de violência e estava parcialmente queimada.

Um pouco depois, às 20h30min, uma mulher foi morta a facadas em Videira. De acordo com a PM, havia uma briga entre umas 20 pessoas quando a vítima foi golpeada por um rapaz de 21 anos. Ele estava na cena do crime quando os militares chegaram e foi preso. 

A polícia precisou intervir para controlar a situação na Rua Nossa Senhora da Saúde, na Vila de Carli.

Já na madrugada de ano-novo, por volta das 2h, um homem de 38 anos voltava para casa em Camboriú após ir a uma conveniência quando foi baleado. Um carro teria parado, um rapaz descido e feito os disparos. A vítima chegou a correr para os fundos da residência da sogra, mas acabou morrendo ainda no local.

Testemunhas conseguiram informar a PM características do atirador. O assassinato ocorreu na Rua Monte Corcovado, no bairro Conde Vila Verde. A polícia informou que a o homem morto usava tornozeleira eletrônica.

Cerca de uma hora depois, outro homicídio. Desta vez em Florianópolis. Um homem de 26 anos levou um tiro no peito enquanto estava na Avenida Tom Traugott Wildi, na Praia Brava. As informações dos militares apontam que a vítima estava com um grupo de amigos quando percebeu uma briga perto deles.

Enquanto tentavam se afastar, o homem acabou atingido pelo disparo e morreu no local. Outro rapaz, de 25 anos, foi atingido por um tiro de raspão no dedo.

O quinto homicídio aconteceu Joaçaba, já no amanhecer do dia, às 5h. Dois homens de 38 anos discutiram na Rua Joaquim Alves da Silveira, no Menino Deus. Um deles recebeu golpes de faca e não resistiu aos ferimentos, indo a óbito ainda na cena do crime. O autor foi levado à delegacia juntamente com a arma usada no assassinato.

Leia também

> Quem são os novos milionários de SC que ficaram ricos nesta semana

> Mãe mata vizinho em SC após flagrar homem tentando abusar da filha de 5 anos

> Bolsonaro vai ao Parque Beto Carrero em mais um dia de folga em SC

> BC proíbe caixas de som de qualquer tamanho em praias e locais públicos

Temas:

Colunistas