nsc
dc

Esperança

Com 13 regiões em risco moderado, SC tem melhor cenário desde o início da pandemia

Números estão ligados ao avanço da imunização e menor taxa de ocupação em leitos de UTI

20/11/2021 - 14h09 - Atualizada em: 20/11/2021 - 14h16

Compartilhe

Camilla
Por Camilla Martins
O avanço da imunização é considerado um dos motivos para a mudança no cenário da pandemia
O avanço da imunização é considerado um dos motivos para a mudança no cenário da pandemia
(Foto: )

A matriz de risco potencial divulgada neste sábado (20) mostra que 13 regiões de Santa Catarina estão no nível moderado (cor azul) e quatro regiões apresentam nível alto (amarelo) para a Covid-19. Nenhuma região do Estado foi considerada em risco grave ou gravíssimo pela sétima semana consecutiva.  

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Os números refletem um cenário de menor gravidade no Estado e estão ligados ao avanço da imunização e a uma taxa de ocupação menor dos leitos de UTI Adulto com pacientes internados por causa do novo coronavírus. Nas redes sociais, o governador Carlos Moisés (sem partido) compartilhou a imagem do novo mapa seguido da palavra "esperança".

As regiões da Grande Florianópolis, Médio Vale do Itajaí, Meio-Oeste, Oeste e Vale do Itapocu, que na semana anterior eram classificadas em nível alto, passaram para o nível moderado. Segundo o Governo do Estado, a redução na taxa de detecção de casos novos, hospitalizações e ocupação de leitos UTI Adulto influenciaram na mudança. 

Já a região Carbonífera, que na última semana estava em nível moderado, teve piora nos indicadores e voltou a ser classificada em nível alto devido ao aumento na taxa de detecção de casos novos e de hospitalizações por Covid-19. 

> SC começa "Mega Campanha" de vacinação contra Covid e mira fujões e dose de reforço

Leitos de UTI 

A região Nordeste é a única que registra mais de 40% dos leitos ocupados neste momento. Os 52% de ocupação dos 151 leitos disponíveis deixam essa área em uma situação vista como grave pela Secretaria de Estado da Saúde.

As regiões Oeste, Xanxerê, Extremo Oeste e Vale do Itapocu têm taxas de ocupação dos leitos de UTI Adulto Covid-19 entre 20 a 40%, sendo classificados como risco alto. As demais regiões estão com menos de 20% de ocupação, sendo classificados no nível de risco moderado.  

Metas de vacinação 

Em Santa Catarina, 36 cidades alcançaram a meta para a campanha de vacinação contra a Covid-19, que é imunizar 85% da população. Segundo o Governo do Estado, 63 municípios vacinaram entre 75% e 84% dos moradores, 103 municípios entre 65% e 74% e 22 municípios catarinenses estão com a cobertura vacinal da população abaixo de 55%. 

Veja o mapa divulgado neste sábado

Matriz de risco divulgada pelo Governo do Estado - 20/11
Pela sétima semana, nenhuma região foi classificada em risco grave ou gravíssimo
(Foto: )

Leia também 

Negros representam apenas 1% dos políticos eleitos em SC nas últimas duas eleições

Enem 2021: tudo sobre data, horário e local de prova

Motorista destrói Porsche de R$ 1 milhão em Florianópolis e deixa milhares sem energia

Colunistas