As águas cristalinas da Ilha do Campeche, em Florianópolis, dão a ela o título de “Caribe catarinense”. Mas, para chegar até lá, o trajeto é limitado e, na temporada de verão, só é feito com reserva antecipada. Além disso, o passeio é pago.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

A Ilha do Campeche fica ao Sul de Florianópolis e faz parte de uma unidade de conservação. Por isso, o número de visitantes diários é limitado. Além da praia com mar azul (porém gelado), também são oferecidas caminhadas ecológicas guiadas no local para conhecer mais sobre a história de Santa Catarina.

Passeios para a Ilha do Campeche

Como chegar?

  • Da Praia da Armação
  • Da Praia do Campeche
  • Da Barra da Lagoa

Continua depois da publicidade

Quanto custa?

  • De R$ 80 a R$ 180 por pessoa, dependendo do operador do transporte

Quando são as saídas?

  • Da Praia da Armação, saídas das 9h às 12h. Na temporada, apenas com reserva
  • Da Praia do Campeche, saída próximo ao Restaurante Pequeno Príncipe, por volta das 9h, por ordem de chegada
  • Na Barra da Lagoa, há três scunas que realizam o passeio e é preciso fazer reserva.

Quanto tempo leva o trajeto?

  • De 5 minutos a 1 hora, dependendo do local de saída.

Como saber quais os transportes autorizados?

A lista dos operadores autorizados está disponível no Instagram (clique aqui). A Associação Couto de Magalhães de Preservação da Ilha do Campeche (Acompeche) também faz o transporte (clique aqui e acesse o site).

O que fazer lá?

A Ilha é um dos principais pontos turísticos de Santa Catarina, e desde 2000 é tombada como Patrimônio Arqueológico e Paisagístico. Além de aproveitar a praia e o mar cristalino, é possível visitar o campo arqueológico, mas apenas com monitor credenciado pelo IPHAN.

As trilhas variam em tamanho e é preciso pagar de R$ 10 a R$ 60 para participar, com guia. A mais cara é a trilha subaquática, que tem duração de 1 hora e 20 minutos. Os materiais estão inclusos.

Continua depois da publicidade

Quanto tempo pode ficar na ilha?

A permanência na Ilha do Campeche é permitida apenas entre 9h e 17h, para turistas e visitantes.

Quantas pessoas podem visitar a ilha?

Na alta temporada, de dezembro a março, a capacidade é de 800 pessoas por dia. Na baixa temporada (abril a novembro), podem ficar 700 pessoas por dia no local.

Veja fotos do “Caribe catarinense”

Acesso com pulseirinhas

No final de outubro, o Ministério Público Federal (MPF), Prefeitura de Florianópolis, órgãos ambientais e associações se reuniram para definir como será o controle de acesso à Ilha do Campeche.

Florianópolis terá pulseirinha para acesso ao “Caribe” da Ilha

Entre os pontos acordados na reunião, estão:

  • Emissão de pulseiras pela prefeitura;
  • Sinalização com placas, quanto às permissões, não permissões e as normas de utilização;
  • Instalação de rádio comunicador com canal de frequência vinculado diretamente à Guarda Municipal de Florianópolis;
  • Apoio ao controle de embarque e desembarque pela Guarda Municipal;
  • Aquisição de embarcação para deslocamento de equipes para rondas preventivas e atendimento de ocorrências.

Continua depois da publicidade

A Fundação Municipal do Meio Ambiente de Florianópolis (Floram) não informou detalhes de como vai funcionar o controle de acesso à ilha. O espaço segue aberto.

Leia também

Imagens incríveis! Veja as fotos da Travessia a nado da Ilha do Campeche

Conheça a Ilha do Campeche, a praia chamada de Caribe brasileiro

Destaques do NSC Total