Neta do fundador da WEG, com sede em Jaraguá do Sul, Livia Voigt possui um patrimônio de cerca de R$ 5,5 bilhões sem ter saído da faculdade. Ela é a bilionária mais jovem do mundo e lidera a lista da Forbes dos dez bilionários mais jovens do mundo. A garota possui 3,1% da WEG e, por conta disso, recebem milhões em dividendos.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Joinville e região no WhatsApp

Quem são as 10 maiores bilionárias do Brasil, segundo a Forbes

Terapeuta é confundida com catarinense bilionária mais jovem do mundo e viraliza na internet

Livia tem 19 anos e é só dois meses mais nova que o segundo colocado na lista, o italiano Clemente Del Vecchio. De acordo com a Forbes, atualmente ela está matriculada na universidade onde cursa psicologia.

Continua depois da publicidade

Veja fotos da WEG, empresa de SC

Uma das maiores fabricantes de equipamentos elétricos do mundo, a WEG está presente em quatro continentes, tem buscado crescer nos mercados mais competitivos do mundo, com uso de inteligência artificial para tomada de decisões e pesquisa em nanotecnologia.

A WEG voltou a apresentar resultados robustos em 2023. O balanço financeiro consolidado do último ano, divulgado nesta quarta-feira (21), revela uma receita operacional líquida de R$ 32,5 bilhões, alta de 8,7% frente ao resultado de 2022. O lucro líquido no período subiu ainda mais, 26,2%, para R$ 7,1 bilhões.

A empresa catarinense Weg ficou em quinto lugar no ranking Valor Inovação, que destaca as 150 empresas mais inovadoras do país. Com foco na produção de equipamentos para energia renovável, a companhia tem usado a tecnologia para simplificar processos e minimizar a utilização de recursos naturais.

Continua depois da publicidade

Fotos antigas mostram como era Jaraguá do Sul antes de ser a cidade mais segura do Brasil

Uma das maiores indústrias de Santa Catarina vai colaborar com um projeto liderado por Elon Musk. Motores elétricos fabricados pela WEG serão usados para acionar unidades de separação de ar que a SpaceX está construindo na Flórida, nos Estados Unidos.

A WEG ainda vai tirar do papel uma nova fábrica de tintas líquidas industriais no México. A unidade terá cerca de 5,3 mil metros quadrados de área construída e deve entrar em operação no início de 2026. O investimento é de R$ 100 milhões.

Leia também

Vinhos e azeite de oliva da Argentina são apreendidos com idoso em carro de luxo em SC

Trio que venderia ecstasy em festas de Itajaí é preso por tráfico de drogas em rodovia de SC

Filha destaca dedicação de empresário de SC que morreu em viagem ao Peru: “Sempre preparado”

Destaques do NSC Total