A gestação é uma fase de muitas mudanças hormonais e posturais. O corpo passa a ter retenção hídrica e, com isso, há sobrecarga, o que causa os indesejáveis edemas. Para ajudar a amenizar os sintomas, a drenagem linfática manual (DLM) é uma boa opção. Trata-se de uma ótima ferramenta na diminuição dos edemas, principalmente nos membros inferiores. 

Continua depois da publicidade

> Clique aqui e receba notícias no WhatsApp

Muitas vezes as gestantes ficam mais sensíveis por conta das transformações do organismo e emocionais. O toque com carinho e amor gera uma grande liberação de endorfinas, desencadeando sensações de bem-estar e conforto. Essas sensações são comprovadas cientificamente.

Como funciona a drenagem linfática manual?

Por meio de estímulos mecânicos realizados com as mãos, o terapeuta primeiramente desbloqueia os gânglios linfáticos, que são os órgãos responsáveis por filtrar o líquido, reconhecer agentes agressores (bactérias, vírus etc.) e produzir células de defesa (sistema imunológico)

Há muitos gânglios linfáticos nas regiões do pescoço, axilas, crista ilíaca e parte interna das coxas. Ao realizar os desbloqueios, a intenção é diminuir as concentrações de toxinas e líquidos e direcionar as manobras de captação da linfa para essas regiões. 

Continua depois da publicidade

Mulher gravida deitada com uma mulher fazendo massagem em sua barriga
Drenagem linfática melhora o sistema imunológico das gestantes (Imagem: Shutterstock)

Casos em que a drenagem linfática é indicada

A drenagem linfática manual é indicada para casos de edemas, pré e pós-cirúrgico, serve para combater celulite, diminuir dores e cansaço dos membros inferiores, principalmente nas gestantes, melhorar o funcionamento do sistema imunológico e auxiliar na eliminação de toxinas. 

No pré-cirúrgico, a DLM diminui a quantidade de líquidos e toxinas que possam vir a atrapalhar o processo de regeneração celular. No pós-cirúrgico, ela evita as fibroses (regiões intumescidas) e no caso da lipoaspiração auxilia no processo cicatricial. 

> 4 benefícios da massagem para a terceira idade 

Contraindicações da drenagem  

As principais contraindicações, nesse caso, se apresentam para pessoas com neoplasias (tumores malignos), trombose, doentes renais e cardíacos (com exceção dos que possuem liberação médica), pele com alergias ou outras lesões, hipertensos (com exceção daqueles que são liberados pelo médico). 

> Entenda as causas da ansiedade durante a gravidez

Sem riscos para gestantes  

Em relação às grávidas, não há risco de realizar DLM, mas o ideal é que o médico que acompanha o pré-natal esteja de acordo. A drenagem linfática manual é uma massagem suave, não causa dor e não deixa marcas. Ela não elimina gordura pela urina ou por qualquer outra via do corpo, apenas líquidos e toxinas. 

Continua depois da publicidade

*Por Edjasto Ferreira  

É formado em Massoterapia pela Escola Oriental de Massagem e Acupuntura (EOMA) e em Estética e Cosmetologia pela Anhembi Morumbi. É especialista em Acupuntura, Terapia Ortomolecular e Fitoterapia. 

Leia também

Veja como tornar o aleitamento materno mais fácil 

Benefícios da atividade física durante a gravidez

8 mitos e verdades sobre gravidez

Destaques do NSC Total