nsc
santa

Doses de amor

Crianças enviam 300 cartas em homenagem a profissionais de hospital de Rio do Sul

Projeto "doses de amor" leva carinho e atenção para os profissionais que atuam na linha de frente da pandemia

09/04/2021 - 05h00 - Atualizada em: 09/04/2021 - 11h57

Compartilhe

Brenda
Por Brenda Bittencourt
Cartas do projeto foram chamadas de "doses de amor"
Cartas do projeto foram chamadas de "doses de amor"
(Foto: )

Um grupo de crianças enviou 300 cartas em homenagem a profissionais do Hospital Regional do Alto Vale, de Rio do Sul. O objetivo - alcançado - foi tornar mais leve e com mais amor o dia de quem trabalha na linha de frente do combate ao coronavírus.

> Receba todas as notícias do Alto Vale no seu WhatsApp. Clique aqui.

“Oi só queria falar que você é uma pessoa incrível, e queria dizer para você não desistir. O seu trabalho é incrível [...] Quando você se sentir cansada, lembre-se que você e uma heroína e que sem você, talvez ninguém estaria mais aqui”, escreveu uma das meninas.

O projeto, do Colégio Dom Bosco, foi chamado pelos alunos de “Doses de amor”. A proposta da escola era cultivar a paz a acolher o próximo durante a Semana Santa. Por meio das cartas com palavras lindas, desenhos, compaixão e empatia, os alunos escreveram para quem trabalha no hospital como forma de reconhecer o trabalho importante que eles fazem desde o início da pandemia.

> Casamentos coletivos presenciais vão unir 25 casais em um mês em Camboriú; entenda cerimônia

De acordo com o hospital, a escola quis mostrar de alguma forma a admiração que sente por quem está na linha de frente deste momento tão frágil. Como não é possível dar abraços para demonstrar o carinho, as cartinhas foram a solução mais viável encontrada.

Os alunos não puderam entrega-las pessoalmente, uma pessoa da escola ficou responsável por fazer a entrega das “doses de amor”.

Confira algumas das cartinhas

Uma das cranças escreveu para que a profissional não esqueça a heroína que ela é.
Uma das cranças escreveu para que a profissional não esqueça a heroína que ela é.
(Foto: )

Cartinhas foram deixadas em umamesa com chocolates para os profissionais
Cartinhas foram deixadas em umamesa com chocolates para os profissionais
(Foto: )
Projeto foi chamado de "doses de amor"
Projeto foi chamado de "doses de amor"
(Foto: )

Leia também:

> Filho morre durante enterro do pai que faleceu de Covid-19 em Jaraguá do Sul

> Decretos sobre restrições em SC serão discutidos em reunião nesta sexta

> Missas e cultos presenciais estão proibidos na pandemia, decide STF

Colunistas