Uma frente parlamentar com lançamento previsto para a próxima terça-feira (2), na Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc), vai acompanhar as obras de duplicação e melhoramentos na rodovia, além de buscar alternativas para finalizar o trabalho.

Continua depois da publicidade

Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Cinco anos após a autorização para o início das obras, apenas 26% dos trabalhos previstos foram concluídos e é improvável que a duplicação no lote seja concluída até abril de 2025.

AN 100 anos

Segundo o deputado estadual Maurício Peixer (PL), autor da Frente, as obras de duplicação e melhorias da BR-280 impactam a vida do catarinense, principalmente no bolso. 

Continua depois da publicidade

De acordo com ele, os problemas de trafegabilidade e segurança viária afetam de forma significativa o transporte de cargas de toda a safra agrícola e produção industrial. Ainda, afirma que os problemas com os atrasos nas obras se juntam aos da atividade turística, com perdas para a economia local.

O projeto das obras na BR-280, entre São Francisco do Sul e o contorno de Guaramirim e Jaraguá do Sul, tem cerca de 75 quilômetros, dividido em três lotes:

  • em São Francisco do Sul, no entroncamento com a BR-101, com extensão de 36,68 quilômetros
  • no entroncamento da BR-101 com o início do contorno de Jaraguá do Sul, em um total de 14 quilômetros
  • no contorno de Jaraguá com Guaramirim, em aproximadamente 24 quilômetros

*Sob supervisão de Raphaela Suzin

Leia também

Vacina bivalente contra a Covid-19 é liberada para maiores de 18 anos em Joinville

Ex não aceita divórcio, invade casa de mulher de 60 anos e é preso por estupro em Joinville

Udesc investe R$ 1,4 milhão para recuperar blocos que sofrem com alagamentos em Joinville

Destaques do NSC Total