nsc
dc

Oportunidade

Epagri coloca em leilão quase R$ 550 mil em carros, tratores e produtos de informática

Entre os itens, estão produtos de informática, carros e trator; dinheiro será usado para renovar a frota do órgão

08/10/2021 - 19h09 - Atualizada em: 11/10/2021 - 19h51

Compartilhe

Por Luana Amorim
Leilão dos itens ocorrerá de forma online em novembro
Leilão dos itens ocorrerá de forma online em novembro
(Foto: )

A Epagri espera arrecadar quase R$ 550 mil com o leilão de veículos e equipamentos que realizará em novembro. Os lances para os 87 lotes disponíveis foram abertos nesta sexta-feira (8) no site do Leiloeiro Oficial. O dinheiro será usado para renovar a frota do órgão. 

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Segundo o edital, lançado no fim de setembro, podem participar do leilão pessoas e empresas que não trabalhem ou atuem em companhias que prestam algum tipo de serviço à Epagri. Entre os itens leiloados, estão 75 carros, um trator, uma caminhonete e equipamentos eletrônicos. Ao todo, devem ser arrecadados R$ 549.920,00.

Para participar, basta que a pessoa acesse o edital, faça o cadastro no site do leiloeiro até 48 horas antes do fechamento dos lotes e dê um lance no item que tem interesse. 

> Salário de R$ 5 mil para professor impulsiona procura por vaga de ACT em SC

> Secretaria da Fazenda de SC abre concurso com salário de R$ 5,4 mil

Durante a oferta dos lances, os interessados poderão visitar os lotes nos locais indicados no edital entre os dias 25 e 29 de outubro. Para isso, é necessário que a pessoa agende um horário, para evitar aglomerações. O contato para agendamento também consta no documento.

Já o leilão ocorrerá de forma on-line no dia 4 de novembro. Os bens devem ser entregues aos compradores a partir do dia 17. 

Leia também: 

Carne moída pode ter novas regras para venda; entenda o que muda

Justiça de SC nega prisão a suspeito de fabricar e vender objetos nazistas

Fim de semana em SC com predomínio das nuvens

SC tem 120 cidades há um mês sem mortes por Covid e com mais de 50% da população imunizada

Colunistas