nsc
hora_de_sc

Falando de Sexo

Como manter relações após a retirada do útero

Aquelas que não têm acesso a todas as informações podem ficar abaladas emocionalmente, com sentimentos de mutilação, tristeza e depressão 

03/04/2017 - 10h30 - Atualizada em: 29/10/2020 - 08h42

Compartilhe

Redação
Por Redação Hora
Saiba como ter relações sexuais após retirada do útero
Saiba como ter relações sexuais após retirada do útero
(Foto: )

Pergunta da leitora:

"Acho a coluna muito produtiva, já tirou várias dúvidas minhas. Preciso de um conselho de vocês. Quero saber quanto tempo depois da cirurgia de retirada de útero posso voltar à atividade sexual."

Resposta das especialistas:

Falam que a mulher não perde a libido após uma cirurgia de histerectomia. Mas eu não estou tendo nenhuma vontade e não lubrifico mais. O que faço?

Queridas leitoras, a médica ginecologista Graziela Rech Artico (CRM/RS 33339) fala um pouco mais sobre a cirurgia para a retirada do útero. Confiram:

"A histerectomia pode ser total (de todo o órgão) ou subtotal (quando se deixa o colo uterino). O ginecologista precisa orientar sobre os riscos, benefícios e efeitos colaterais. Esse diálogo atenua possíveis dificuldades sexuais e esclarece crenças errôneas".

​> Orgasmo feminino: veja cinco fatos que você ainda não sabe

O que muda

"Uma vez retirado o útero, não existe mais menstruação nem a possibilidade de gravidez. A vida sexual é retomada, normalmente, de 30 a 60 dias depois do procedimento. A perda do útero pode diminuir a percepção física do orgasmo, mas ele continua sendo possível. Aquelas que não têm acesso a todas as informações podem ficar abaladas emocionalmente, com sentimentos de mutilação, tristeza e depressão. Para outras, a histerectomia pode representar a descoberta da liberdade, melhorando a função sexual. Não há mais a preocupação com a gravidez ou sangramento. A consequência do procedimento sobre a vida sexual posterior está também ligada à qualidade do relacionamento. Uma vida sexual saudável necessita de erotismo, intimidade, prazer e respeito na medida certa."

​​​> Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

Colunistas