nsc
an

Feira

Feistock é confirmada para agosto em São Bento do Sul; veja as regras do evento-teste de SC

33ª edição da feira de móveis e decoração acontece durante quatro dias no Centro de Eventos Promosul

30/07/2021 - 19h48

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Última edição da Feistock foi realizada em novembro de 2020, em São Bento do Sul
Última edição da Feistock foi realizada em novembro de 2020, em São Bento do Sul
(Foto: )

A organização da Feistock, feira de móveis e decoração, confirmou a data da 33ª edição do evento, que ocorre anualmente em São Bento do Sul, no Planalto Norte de SC. Neste ano, ela será um dos eventos-teste de Santa Catarina, devido à pandemia do coronavírus, e acontecerá de 12 a 15 de agosto, das 10 às 20 horas.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp 

A feira será realizada no Centro de Eventos Promosul, com capacidade para 28 mil pessoas. No entanto, a ocupação será liberada apenas para 3 mil visitantes simultâneos. Este foi um dos critérios do plano de contingência aprovado pelas autoridades estaduais, regionals e municipais.

Segundo o empresário Jonathan Linzmeyer, responsável pela organização da Feistock, a média de público simultâneo no evento costuma ser de 1 mil a 1,2 mil pessoas. Ele explica que isso representaria aproximadamente um visitante a cada 10 metros, considerando a área de 15 mil metros quadrados do centro de eventos. 

- A nossa feira não tem montagem de estandes, então ela é toda aberta e tem uma ampla circulação de ar. Serão mais de 10 portas de saída de emergência gerando circulação, além de um vão de abertura no teto - detalha.

Controle de acesso e fiscalização de medidas preventivas

Além disso, a empresa responsável pela organização contratou um sistema com contador digital, como uma espécie de catraca com inteligência artificial. Desta forma, será possível controlar quando está próximo da capacidade máxima ser atingida.

Quando o visitante chegar ao local da feira, vai parar em frente ao painel da catraca, que vai aferir a temperatura e conferir se a máscara está colocada corretamente. A pessoa também será obrigada a passar álcool em gel antes de ser liberada.

> Quando a pandemia de Covid-19 vai acabar?

O uso de máscaras será obrigatório e serão disponibilizados frascos de álcool em gel em todos os expositores. Os corredores e carpetes também serão higienizados de 2 a 3 horas.

- O mais importante será conscientizar as autoridades e a população de que a feira correta, que tem alvará e realizada por empresas sérias, pode trabalhar. Conscientizar de que as feiras são tão organizadas e seguras quanto qualquer outro setor que já está trabalhando - afirma Linzmeyer.

Serão 69 expositores durante os quatro dias de Feistock, em São Bento do Sul
Serão 69 expositores durante os quatro dias de Feistock, em São Bento do Sul
(Foto: )

Evento deve reunir vacinados e testados contra Covid

A Feistock exigirá o comprovante de vacinação daqueles que já foram imunizados com pelo menos uma das doses da vacina contra Covid-19 e também pedirá o resultado de teste PCR ou do tipo antígeno, realizados nas 48 horas anteriores.

Apesar disso, Linzmeyer garante que pessoas que não quiseram se vacinar ou realizar o teste não serão impedidos de entrar na feira. Porém, haverá orientação no local e também uma tenda disponibilizando testes com preço mais acessível para os visitantes.

> Quais os riscos de não tomar a segunda dose de vacina da Covid-19

- Vamos fazer testes em 10% a 20% das pessoas não vacinadas que participarem. Mesmo que não procurem a tenda, vamos selecionar aleatoriamente as pessoas para testar. Isso foi analisado em nível regional do conselho de saúde e nos comprometemos a entregar - ressalta o organizador.

Linzmeyer acredita que aproximadamente 80% dos visitantes aguardados para passarem pela feira nos quatro dias estarão vacinados com pelo menos uma dose. Isso porque o público do evento é composto majoritariamente por pessoas com mais de 30 anos.

Além disso, o organizador afirma que cerca de 70% dos visitantes se deslocam de Joinville até São Bento do Sul para comprar na Feistock. Neste momento, a maior cidade do Estado aplica doses em pessoas com 33 anos ou mais, por exemplo. 

> Ausências na segunda dose da vacina contra Covid voltam a crescer em Joinville  

Feira terá 69 expositores durante quatro dias

A Feistock de 2021 terá 69 expositores com venda de móveis e decoração ao longo de quatro dias. A organização diz que são mais de 900 empregos diretos gerados pelo evento, desde pessoas que trabalham na montagem, organização, segurança e limpeza, até vendedores contratados para atuar durante a feira.

A previsão de faturamento em vendas de imóveis é de aproximadamente R$ 18 milhões ao longo dos quatro dias. A projeção é a mesma da última edição, realizada em novembro do ano passado.

Leia também:

Para cumprir calendário, Joinville precisa vacinar mais 152 mil pessoas em 36 dias

Bares, máscaras e reações: veja 15 perguntas e respostas sobre a vacina contra Covid-19

Variante Delta do coronavírus é identificada em Itajaí e São Francisco do Sul

Colunistas