Com mais de 112 mil imóveis inspecionados no ano de 2023, os agentes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Florianópolis promoveram uma verdadeira “batalha” contra a dengue no município, realizando mutirões nos bairros, atendimento de denúncias, pulverização de inseticidas e monitoramento constante de pontos estratégicos e estações disseminadoras de larvicida.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

No dia 29 de novembro, a capital catarinense chegou a declarar situação de emergência pela infestação do mosquito Aedes Aegypti. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura de Florianópolis nesta quinta-feira (14), 16 pessoas morreram em decorrência da dengue neste ano.

Além disso, o número total de focos na cidade chegou a 5.909 (veja os bairros mais afetados abaixo), com 43.246 notificações da doença e 21.049 casos confirmados.

Veja os 10 bairros com mais foco de dengue em 2023

  • Rio Vermelho (449)

Continua depois da publicidade

  • Capivari (382)
  • Canasvieiras (288)
  • Trindade (261)
  • Ingleses (237)
  • Centro (206)
  • Coqueiros (195)
  • Capoeiras (183)
  • Lagoa da Conceição (158)
  • Jurerê Tradicional (152)

Embora as ações ainda estejam em curso, a administração municipal enfatiza a necessidade de colaboração da população e da responsabilidade coletiva no combate à dengue.

Embora os esforços estejam em andamento por parte das nossas equipes, a colaboração da comunidade é fundamental para diminuirmos a propagação da dengue no município. Ações simples, como observar o ambiente em que vivemos e trabalhamos para agir na eliminação de recipientes que possam acumular água parada, são passos cruciais para evitar a reprodução do mosquito enfatiza a responsável técnica pelo Programa da Dengue em Florianópolis, Marinice Teleginski.

Para eliminar focos de dengue, a Prefeitura de Florianópolis orienta dedicar 10 minutos semanais à limpeza do imóvel. Dentre as ações recomendadas, estão: armazenar objetos que acumulam água em locais cobertos ou com a boca para baixo, manter piscinas e calhas limpas, ralos telados ou clorados, fazer prevenção individual com uso de repelentes, entre outras medidas.

Com aumento nos casos de dengue, governo de SC recolhe mais de 20 mil pneus para descarte

Denúncias podem ser realizadas no site da Vigilância de Florianópolis ou pelo número (48) 3212-3902.

Veja imagens de ações de controle da dengue em Florianópolis

Continua depois da publicidade

Combate à dengue em Florianópolis em 2023

Ao longo do ano, foram 112.237 imóveis inspecionados, número que representa quase 60% dos domicílios existentes em Florianópolis, de acordo com o Censo do IBGE de 2022. Além desses, 50.847 imóveis estavam fechados durante a ação e 2.683 moradores recusaram a visita dos agentes.

Caso de dengue tipo 3 identificado pela primeira vez em SC acende alerta para transmissão intensa

Ao todo, as ações realizadas pelas equipes do Centro de Controle de Zoonoses identificaram cerca de 90 mil depósitos contendo água parada, problema considerado fácil de ser solucionado.

Entre esses, destacam-se os “pequenos depósitos móveis” (como potes, bebedouros de animais, pratos de plantas, baldes, entre outros) como os mais significativos, totalizando 35.187 itens com água parada e potencial foco de proliferação do mosquito da dengue. Os “depósitos fixos”, como ralos, calhas, piscinas e cisternas, ocupam a segunda posição, com 23.595 registros de água parada.

Depósitos identificados com água em Florianópolis

  • Pequenos depósitos móveis (potes, bebedouro de animais, pratinho, baldes, etc): 35.187

Continua depois da publicidade

  • Depósitos fixos (ralos, calhas, piscinas, cisternas, etc): 23.595
  • Lixos e sucatas: 18.280
  • Depósitos naturais (bromélias, folhas de palmeiras, oco de árvores, etc): 9.544
  • Pneus e outros materiais rodantes: 1.997
  • Depósitos baixos de armazenamento de água (tonéis, caixa d’água, etc): 1.004
  • Depósitos altos de armazenamento de água (caixa d’água elevada): 238

Confira dicas para combater o mosquito da dengue

Leia também

Drone é usado em Chapecó como aliado no combate à dengue

Estudante de SC cria aplicativo que identifica larva do mosquito da dengue

Com mais chuvas e novo sorotipo, casos de dengue aumentam quase 20% no Brasil

FOTOS: Asilos sem alvarás e com larvas de Aedes aegypti são alvos de operação em Joinville

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC

Destaques do NSC Total