Fundada em 1938, a Tupy, empresa multinacional de Joinville, está entre as principais marcas da cidade. Nos últimos 86 anos, diversos moradores do município e de outros lugares do mundo passaram pela instituição. Em 2023, a metalúrgica registrou o lucro líquido da história, totalizando R$ 517 milhões.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Joinville e região no WhatsApp 

Fundada pelos sócios Albano Schmidt, Hermann Metz e Arno Schwartz, o objetivo na época era fabricar conexões até então não produzidas no Brasil. Em 1954, começaram as operações no parque fabril, em que atualmente, está localizada a sede da Companhia, no bairro Boa Vista. 

Veja fotos antigas e atuais da Tupy

Ao passar das décadas, a empresa fez o primeiro contrato de fornecimento de autopeças, inaugurou a Escola Técnica Tupy, criou um Centro de Pesquisas Tecnológicas e ingressou no mercado ferroviário. Além de abrir plantas em São Paulo e no México.

Continua depois da publicidade

Atualmente, com escritórios comerciais na Alemanha, Brasil, EUA, Holanda e Itália, a empresa produz componentes estruturais em ferro fundido de elevada complexidade geométrica e metalúrgica. Essas soluções de engenharia são aplicadas nos setores de transporte de carga, infraestrutura, agronegócio e geração de energia.

A marca registrou um lucro de R$ 160 milhões no quarto trimestre de 2023, resultado 183% superior em comparação ao mesmo período de 2022. Em 2023, a multinacional registrou a maior receita líquida e lucro líquido da história, totalizando R$ 11,4 bilhões e R$ 517 milhões, respectivamente. Além disso, a geração de caixa operacional atingiu R$ 829 milhões.

Leia também

Como vai ficar prédio histórico de Joinville após reformas

Fotos antigas mostram como era Jaraguá do Sul antes de ser a cidade mais segura do Brasil

Fotos de antigamente mostram como Joinville era antes de ser a cidade mais populosa de SC

Destaques do NSC Total