nsc

Despedida

Francisco Battistotti avalia gestão no Avaí e dá conselho a Júlio Heerdt: "Não dê carta branca ao futebol"

Dirigente comenta sobre os erros e acertos no clube e também os salários atrasados

27/12/2021 - 12h16

Compartilhe

Por Daniela Walzburiech
Francisco Battistotti em entrevista na CBN
Francisco Battistotti em entrevista na CBN
(Foto: )

Presidente do Avaí desde abril de 2016, quando Nilton Macedo Machado renunciou ao cargo, Francisco José Battistotti fez um balanço da gestão que termina na sexta-feira, dia 31 de dezembro, em entrevista ao Debate Diário, da CBN, nesta segunda.

O dirigente afirmou que um dos erros que cometeu durante o mandato foi se afastar das decisões relacionadas ao futebol em 2019 e 2020.

> Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

Apesar da derrota na eleição realizada no início de dezembro, ele disse que torce pelo sucesso da nova gestão, liderada por Júlio César Heerdt e Bruno Comicholi.

– Um conselho que dou ao novo presidente do Avaí é que não dê carta branca ao futebol. Esteja junto, pois a contratação é primordial. Tenho certeza que, se em 2019 e 2020 eu não tivesse dado toda essa liberdade, os erros seriam menores, principalmente em valores pagos a atletas.

– Se me perguntarem o que eu não faria na minha gestão vou dizer que não cometeria o erro de 2019 e 2020 de me afastar do futebol e deixar o legado do futebol pra duas pessoas. Eles me traziam o nome das pessoas e eu assinava e contratava. Até 2018 não acontecia isso. Em 2018 vinha um nome, eu consultava as pessoas, via se dava e se tinha condições de jogar e contratava. Quando a torcida e a emoção começaram a dizer que o presidente tinha que sair do futebol, eu saí do futebol. O reflexo de 2021 está nas contratações de 2019 e 2020. Em 2019 ficamos em último na Série A. Em 2020 fizemos um time para subir e não conseguimos por dois pontos. E num ano de pandemia e com toda a dificuldade. Eu deleguei o setor de futebol para que fizessem o time. A dificuldade financeira desse ano é em razão desses dois anos de má contratação – completou Battistotti.

> Saiba o motivo da mudança do clássico na Recopa Catarinense 2022

Outro assunto destacado pelo presidente foi em relação aos salários atrasados com o elenco que garantiu o acesso à Série A do Brasileiro. Segundo ele, os valores serão pagos ainda nesta semana.

– Falta o banco depositar. Acredito que até terça ou quarta-feira esse dinheiro estará no Avaí para pagarmos todos os jogadores, e não como na reunião dentro da minha sala, que foi sugerido pagar apenas quem ficasse e não quem iria embora. Eu falei que não, que iriamos pagar cada mês. Quando acabar o valor, todos ficam sem receber, seja quem fica ou quem foi embora. Não acho justo pagar só quem tem contrato. Esses que terminaram o contrato têm o direito de receberam também. É isso o que vamos fazer.

Colunistas