nsc
an

Polícia

Homem mata ex-companheira a facadas e acaba morto pelo ex-cunhado em Três Barras

Segundo a PM, a vítima tinha medida protetiva contra o homem, que não aceitava o fim do relacionamento

25/08/2021 - 17h47 - Atualizada em: 25/08/2021 - 21h28

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Thais Correa Lemes da Silva
Thais Correa Lemes da Silva foi morta a facadas pelo ex-companheiro, segundo a PM
(Foto: )

Um homem matou a ex-companheira a facadas em Três Barras, no Planalto Norte de Santa Catarina, de acordo com a Polícia Militar. O crime aconteceu na tarde desta quarta-feira (25) na rua José Manoel Correa, no bairro São Cristóvão. Após cometer o assassinato, Carlos Alberto Ribeiro foi morto a tiros pelo irmão da vítima.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Thais Correa Lemes da Silva, de 23 anos, já tinha uma medida protetiva contra o ex-namorado. Segundo a PM, o homem não aceitava o fim do relacionamento, o que teria causado também o assassinato.

Os dois moravam em Joinville, mas Thais voltou a morar em Três Barras após o término. Nesta quarta-feira, ela soube que o ex-companheiro havia viajado até a cidade. Para evitar confronto, decidiu não ir ao trabalho, mas saiu com a mãe para levar as crianças até a escola. Foi quando o homem começou a perseguí-las, segundo a PM.

Já na casa da vítima, o ex-namorado atingiu Thais e a ex-sogra com golpes de faca. A jovem não resistiu aos ferimentos e a mãe, de 40 anos, foi levada para a Unidade de Pronto-atendimento de Canoinhas, onde passou por cirurgia, segundo a PM. Até o momento, não há informações sobre o estado de saúde da mulher.

> Locutor revela momentos de tensão durante incêndio em rádio de SC; ouça áudio

> Filha de soldado baleado no assalto ao Banco do Brasil tem sonho realizado

Ao presenciar o homem atacando as duas vítimas, o irmão de Thais, de 21 anos, tentou salvá-las atirando com uma espingarda calibre .22. De acordo com a PM, ele disse não saber se tinha acertado o ex-companheiro da irmã.

O irmão ainda entrou em luta corporal com o homem, sendo atingido com uma facada no braço esquerdo. Ele conseguiu desarmá-lo e atingiu o agressor com alguns golpes para se defender. O irmão foi levado para o Hospital Beneficente de Três Barras. O caso agora será investigado pela Polícia Civil.

Leia também:

Nove comerciantes têm seus produtos apreendidos no Centro de Joinville

Esposa do capitão do JEC Futsal morre por Covid-19, aos 37 anos

Quais são os próximos passos da vacinação contra Covid-19 em Joinville

Joinville tem a gasolina mais barata de SC; veja os preços

Joinville tem mais de 400 vagas de emprego abertas; veja como se candidatar

Professor é demitido por expor "conteúdo inapropriado" em SC

Colunistas