nsc
santa

Pandemia

Hospital de Gaspar atinge 100% de ocupação em UTI para Covid-19 pela segunda vez na pandemia

O número de internações por coronavírus atingiu patamares do primeiro pico da doença

20/11/2020 - 20h51 - Atualizada em: 20/11/2020 - 20h56

Compartilhe

Fernanda
Por Fernanda Mueller
O hospital suspendeu consultas ambulatoriais e cirurgias eletivas por tempo indeterminado
O hospital suspendeu consultas ambulatoriais e cirurgias eletivas por tempo indeterminado
(Foto: )

O Hospital de Gaspar anunciou nesta sexta-feira (20) que todos os 10 leitos de UTI estão ocupados por pacientes de coronavírus. Esta é a segunda vez durante a pandemia que hospital atinge 100% de ocupação. A primeira havia ocorrido no primeiro pico da doença, em julho deste ano.

> Governo de SC prepara plano de contingência para verão com coronavírus

Com o aumento das internações por Covid-19, a administração do hospital decidiu suspender as consultas ambulatoriais e cirurgias eletivas por tempo indeterminado, Segundo o diretor do Hospital de Gaspar, Claudio Marmentini, a medida é para diminuir o risco de infecção de profissionais e pacientes e focar os esforços no combate ao coronavírus. 

"Estamos com 100% dos leitos de UTI ocupados, temos colaboradores afastados por estarem positivados ou com suspeita de Covid e a demanda de atendimento só cresce. Por isso, decidimos focar o nosso atendimento novamente para os infectados nesta pandemia", afirmou o diretor.

O Hospital Municipal Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, também anunciou 100% de lotação dos 30 leitos disponíveis nesta quinta-feira (19). Pelo menos dois pacientes aguardavam abertura de vagas. A Justiça determinou que o Estado faça remanejamento de pacientes para outros hospitais próximos, como o Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí. 

Novo pico de Covid-19 em SC 

Nesta sexta-feira, Santa Catarina atingiu 23,5 mil casos ativos de coronavírus. O número é o maior já registrado pelo Estado desde o início da pandemia, e vem crescendo diariamente esta semana. Somando as redes pública e privada, 511 pacientes com covid-19 estão internados atualmente.

Colunistas