nsc
santa

Luto

Jesse e Shurastey estavam a dois dias do Alasca quando morreram em acidente nos EUA

Dupla havia chegado de Fusca ao Oregon, um dos últimos lugares nos Estados Unidos antes da ida ao Canadá e, por fim, a parte final da viagem

25/05/2022 - 05h00 - Atualizada em: 26/05/2022 - 19h34

Compartilhe

Augusto
Por Augusto Ittner
Shurastey à esquerda e Jesse à direita próximo à Golden Gate, nos EUA.
Shurastey à esquerda e Jesse à direita próximo à Golden Gate, nos EUA.
(Foto: )

A dupla Jesse Koz e o cão Shurastey estava a menos de dois dias de chegar ao Alasca, destino da aventura que iniciaram há cerca de cinco anos, quando morreu em um acidente nos Estados Unidos. 

O morador de Balneário Camboriú e o cachorro, que viraram influenciadores nas redes sociais, se preparavam para os últimos dias no país antes de partir para o Canadá e, por fim, ao gélido estado norte-americano.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Santa

O acidente que matou a dupla aconteceu em uma rodovia na cidade de Grants Pass, no noroeste dos Estados Unidos, que fica a 41 horas de viagem do Alasca. De acordo com o jornal Mail Tribune, Jesse teria desviado do tráfego quando invadiu a contramão e bateu de frente com outro carro. 

Ele e o cachorro Shurastey morreram na hora e a rodovia chegou a ficar interditada por cerca de duas horas para o atendimento às vítimas.

Shurastey or Shuraigow?

Jesse Koz, Shurastey e Dodongo, o Fusca dele, chegaram a Nova York no mês passado. O homem saiu de Balneário Camboriú, no Litoral Norte, em 2017, para percorrer as Américas. O objetivo dele era chegar ao Alasca em setembro.

Jesse chamava a atenção por rodar com seu fusca 1978 por diversos países. Tinham sido 16, com uma pausa em 2020 por conta da pandemia do coronavírus. As viagens faziam parte de um projeto chamado “Shurastey or Shuraigow?”, uma adaptação inspirada na música “Should I Stay or Should I Go” (traduzido do inglês Devo Ficar ou Devo Ir), sucesso da banda The Clash.

No Instagram, quase meio milhão de pessoas acompanhavam as aventuras diárias do trio. Agora, a rede social está repleta de mensagens de pesar.

Quem eram Jesse Koz e o cão Shurastey?

Jesse estava insatisfeito com a vida que levava em 2017, quando era vendedor em um shopping e estudante de Educação Física em Balneário Camboriú. Decidiu fazer algo para si mesmo e “chutar o pau da barraca”.

Ou melhor, conseguir uma barraca.

Vendeu o pouco que tinha (um micro-ondas, videogame, televisão e motocicleta), comprou um Fusca 1978, pegou o cachorro de dois anos e meio e caiu no mundo com R$ 10 mil na conta. Confira na reportagem a história completa.

Veja fotos de Jesse e Shurastey

Leia também

Fotos mostram como ficou Fusca de Jesse e cão Shurastey após acidente nos EUA

Dinheiro para trazer corpos de Jesse e cão Shurastey ao Brasil é arrecadado em três horas

Fotos revelam desgaste da Vila Germânica, em Blumenau, que será reformada

Moisés cancela agenda em Blumenau após Hildebrandt testar positivo para Covid-19

Colunistas