Os candidatos Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL) foram questionados se, caso forem eleitos, iriam intereferir no Supremo Tribunal Federal. Ambos disseram ser contra o aumento no número de ministros. As informações são da Folha de S. Paulo

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

— Já tivemos experiência na ditadura de mudar a Suprema Corte. […] Não é democrático um presidente da República querer ter ministros da Suprema Corte como amigos — disse Lula.

O candidato do PT disse que os indicados para serem ministros do STF têm que ter história e biografia. Para ele, mudar a composição seria “um retrocesso que a República brasileira já conhece”.

— Da minha parte está feito o compromisso, não terá nenhuma proposta — disse Bolsonaro. 

Continua depois da publicidade

No entanto, o presidente replicou que a proposta de ampliar a corte é endossada pelo PT e foi tentada por Dilma Rousseff (PT). Em seguida, ele falou que Edson Fachin é o amigo de Lula na corte. 

— Você só está disputando eleição por obra e graça de um ministro amigo — disse Bolsonaro. 

*Por Carolina Linhares e Joelmir Tavares

Bolsonaro cogitou projeto que aumentaria ministros após eleições

O tema da pergunta fez relação com a recente polêmica em que o atual presidente se envolveu. O atual presidente disse em 7 de outubro ter recebido propostas para aumentar a quantidade de ministros do STF e que poderia discutir o assunto após as eleições. Mencionou um projeto para acrescentar cinco magistrados ao tribunal, levando-o de 11 para 16 assentos. 

Na manhã de 9 de outubro, o presidente mudou o tom. Afirmou que tomaria uma decisão sobre o tema de acordo com a temperatura na corte. À noite, falou que pretendia conversar após as eleições com a presidente do STF, Rosa Weber, para pacificar o clima com o Judiciário.

Dois dias depois, o presidente se contradisse, afirmando que a proposta havia sido uma invenção da imprensa. Questionado se pretendia ampliar o número de ministros, respondeu: 

Continua depois da publicidade

— Vocês que inventaram isso. Vocês é que digam. 

*Por Naief Haddad

Leia também

Moraes manda campanha de Lula remover conteúdo que associa Bolsonaro a pedofilia

Voto de Amoêdo em Lula no 2º turno causa críticas do Novo: “pega o boné e vai embora”

Eleição de 2022 será a sétima decidida em 2º turno no Brasil

Destaques do NSC Total