nsc
dc

Crime

Meninas de 13 anos denunciam professor por importunação sexual em Orleans

Os atos teriam acontecido no dia 18 de fevereiro, na instituição de ensino; professor foi trocado de turma

15/03/2021 - 10h14 - Atualizada em: 15/03/2021 - 10h16

Compartilhe

Fernanda
Por Fernanda Mueller
As denúncias foram feitas pelas meninas, acompanhadas das mães, no dia 22 de fevereiro
As denúncias foram feitas pelas meninas, acompanhadas das mães, no dia 22 de fevereiro
(Foto: )

Duas alunas de 13 anos denunciaram um professor por importunação sexual em uma escola estadual de Orleans, no Sul de SC. As vítimas relataram que os crimes teriam acontecido no dia 18 de fevereiro, na instituição de ensino. Após as denúncias, o suspeito foi trocado de turma.

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

Conforme o relato das vítimas, o professor teria tocado uma das meninas na virilha e a outra na coxa, caracterizando o crime como importunação sexual, quando há um ato libidinoso que não tem consentimento da outra parte. Os dois casos teriam acontecido no mesmo dia. O suspeito ainda teria pedido para uma das alunas “abrir as pernas”. 

O delegado que investiga o caso, Ulisses Gabriel, disse que as denúncias foram feitas pelas meninas, acompanhadas das mães, no dia 22 de fevereiro. Após colher o depoimento das vítimas, um inquérito foi instaurado e o suspeito será ouvido nesta semana. A pena para o crime de Importunação sexual varia de um à cinco anos de prisão. 

Professor é trocado de turma

Segundo a Secretaria de Estado da Educação (SED), assim que foi informada, a diretora da unidade chamou a mãe da aluna para conversar e também o professor citado, que negou as acusações. 

Para não constranger a aluna, imediatamente a escola, em conjunto com a Coordenadoria Regional de Educação de Criciúma, tomou a decisão de trocar o professor da disciplina daquela turma. Ele havia lecionado apenas uma aula neste ano.

Leia também

Mãe que compartilhava filha com namorados é condenada por estupro na Grande Florianópolis

Importunação sexual dentro de ônibus termina em briga, confusão e um preso na BR-101, em Penha

Após perder o pai pela Covid-19, mulher é flagrada dando festa em SC

Colunistas